Publicidade

Estado de Minas Polícia investiga

Mulher sofre parada cardíaca e morre após ser agredida pelo companheiro

Suspeito foi levado para a delegacia e negou a agressões


16/10/2020 14:59 - atualizado 16/10/2020 15:40

Mulher foi socorrida pelo Samu, mas faleceu ao dar entrada na UPA.(foto: reprodução arquivo da família)
Mulher foi socorrida pelo Samu, mas faleceu ao dar entrada na UPA. (foto: reprodução arquivo da família)

Uma mulher de 55 anos teve uma parada cardíaca e morreu após ser agredida pelo companheiro, em Poços de Caldas, no Sul de Minas. O caso foi no Bairro Vila Cruz. Maria do Carmo Teixeira teria gritado por socorro e foi ouvida pelo filho, que estava na casa da vizinha.

 

Quando o rapaz chegou à residência, percebeu que a mãe não estava bem e chamou o Samu. Os socorristas levaram a mulher a uma Unidade de Pronto Atendimento (UPA), mas ela passou mal e não resistiu.

 

De acordo com a Polícia Militar, o corpo não apresentava sinais de violência, mas foi encaminhado ao Instituto Médico Legal (IML) de Alfenas, também no Sul do estado.

 

O suspeito da agressão, um homem de 56 anos, foi levado para a delegacia onde prestou esclarecimentos. Ele negou ter agredido a companheira. Em seguida, o homem foi liberado. 

 

Uma das filhas da vítima informou ao Estado de Minas que não sabe o que realmente teria acontecido na casa. O caso é investigado pela Polícia Civil. 

 

O corpo de Maria do Carmo será enterrado nesta sexta-feira (16), no Cemitério Parque, em Poços de Caldas. (Helena Lima/ Especial para o EM)

 


receba nossa newsletter

Comece o dia com as notícias selecionadas pelo nosso editor

Cadastro realizado com sucesso!

*Para comentar, faça seu login ou assine

Publicidade