Publicidade

Estado de Minas DESACATO

Polícia indicia casal por desacato durante exame de direção em Manhuaçu

Segundo a Polícia Civil, a mulher foi reprovada no exame para a obtenção da CNH e, irritada, insultou as autoridades presentes


03/09/2020 16:51 - atualizado 03/09/2020 17:10

O exame de direção foi realizado no Bairro Bela Vista, em Manhuaçu(foto: Divulgação / Polícia Civil)
O exame de direção foi realizado no Bairro Bela Vista, em Manhuaçu (foto: Divulgação / Polícia Civil)
A Polícia Civil de Minas Gerais (PCMG) instaurou um procedimento criminal contra um casal por ter desacatado examinadores durante a realização de um exame de direção no Bairro Bela Vista, em Manhuaçu, na Zona da Mata mineira, nessa quarta-feira (2). 

Segundo a polícia, a mulher – candidata à obtenção da Carteira Nacional de Habilitação (CNH) – foi reprovada no exame e, inconformada com o resultado, teria desacatado os examinadores que aplicavam a prova, menosprezando a função pública exercida por eles. 

O marido da mulher, que a acompanhava, também teria insultado os analisadores. O casal foi indiciado por desacato e difamação. 

De acordo com o delegado Carlos Roberto Souza, além de responsabilidade criminal, a candidata vai responder a procedimento administrativo junto à Circunscrição Regional de Trânsito (Ciretran), que poderá cassar o prontuário dela. 

Ainda segundo ele, com esse procedimento, a mulher pode ficar sem a possibilidade de se candidatar a novos exames para obtenção da CNH em Minas Gerais ou em qualquer outro Departamento de Trânsito (Detran) do país por cinco anos. 
 
* Estagiário sob supervisão da subeditora Ellen Cristie. 


receba nossa newsletter

Comece o dia com as notícias selecionadas pelo nosso editor

Cadastro realizado com sucesso!

*Para comentar, faça seu login ou assine

Publicidade