Publicidade

Estado de Minas DIA DA INDEPENDÊNCIA

Aeroporto Internacional de BH deve receber 50 mil passageiros no feriado

No período entre 4 e 8 de setembro também estão previstos cerca de 400 voos, e o aeroporto reforça medidas de combate ao COVID-19


31/08/2020 11:02 - atualizado 31/08/2020 15:06

Entre os dias 4 e 8 de setembro o aeroporto deverá receber cerca de 400 aeronaves(foto: Divulgação/BH Airport)
Entre os dias 4 e 8 de setembro o aeroporto deverá receber cerca de 400 aeronaves (foto: Divulgação/BH Airport)
A movimentação no Aeroporto Internacional de Belo Horizonte, em Confins, na região metropolitana, parece que vai voltando aos poucos à normalidade. Nesta semana do feriado de 7 de setembro, Dia da Independência do Brasil, a principal entrada da capital mineira deve receber um fluxo de cerca de 50 mil passageiros, o que representa aproximadamente 15% do movimento esperado para todo o mês.

A BH Airport, concessionária que administra o aeroporto, estima que os dias de maior movimentação serão a sexta-feira (4) e a segunda-feira (7), com uma média entre 5% e 9% superior ao que é normalmente registrado para os mesmos dias do mês. Já o fluxo de aeronaves será de 400 voos nesse período.

No dia 4 de setembro, 12,5 mil pessoas devem passar pelo aeroporto. O número de voos deverá chegar a 112. Já na segunda-feira, dia do feriado, 12 mil passageiros e 107 voos devem acontecer no terminal. 

A concessionária recomenda aos passageiros que fiquem atentos aos horários de embarque, que venham de máscara e cheguem ao aeroporto com antecedência, principalmente nos dias de maior fluxo, para que todo o processo até a chegada à aeronave seja realizado com a máxima proteção contra o coronavírus.  

Ações contra a COVID-19   

Diante da pandemia do coronavírus, o cuidado com a segurança é prioridade no Aeroporto Internacional de Belo Horizonte. No terminal, são colocadas em prática todas as orientações do Ministério da Saúde e da Agência Nacional de Vigilância Sanitária (Anvisa). No intuito de evitar aglomerações e ampliar a segurança, a BH Airport reforça a recomendação de somente se dirigir ao terminal os passageiros e os profissionais da comunidade aeroportuária. Além disso, para circular no terminal é preciso estar de máscara.  

Há dispensers de álcool em gel em todo o aeroporto, barreiras de proteção nos locais de atendimento aos usuários e adesivos informativos para piso, assentos, banheiros e elevadores. Com apoio do exército, uma equipe foi capacitada para atuar na descontaminação e higienização de áreas de grande circulação. Entre as demais medidas já adotadas para o combate à disseminação da COVID-19, também foi reforçada a limpeza e desinfecção das áreas comuns de todo o aeroporto, especialmente dos banheiros.  
 
Para completar, o aeroporto também lançou uma campanha no intuito de conscientizar passageiros, visitantes e a comunidade aeroportuária sobre a necessidade de higienização das mãos, de manter o distanciamento, o isolamento de assentos, uso de máscara e demais atitudes que podem garantir a saúde e segurança de todos.


Retomada

Desde julho que o aeroporto vem registrando crescimento no fluxo de passageiros. Agosto fechou com uma média de 240 mil passageiros, um aumento de 70% em relação a julho, que registrou 140 mil passageiros. 

Neste mês, o aeroporto voltou a realizar voos para Lisboa, em Portugal, e mais cinco destinos nacionais. Ao todo, são realizados voos para 19 cidades brasileiras - Curitiba (PR), Governador Valadares (MG), Goiânia (GO), Ilhéus (BA), Porto Alegre (RS), Brasília (DF), Cuiabá (MT), Congonhas (SP), Guarulhos (SP), Montes Claros (MG), Santos Dumont (RJ), São Luiz (MA), Uberlândia (MG), Campinas (SP), Vitoria (VIX), Belém (PA), Porto Seguro (BA), Recife (PE), Salvador (BA) e Galeão (RJ).


receba nossa newsletter

Comece o dia com as notícias selecionadas pelo nosso editor

Cadastro realizado com sucesso!

*Para comentar, faça seu login ou assine

Publicidade