Publicidade

Estado de Minas QUEIMADAS

Incêndios devastam áreas correspondentes a 300 campos de futebol em Araxá

Um deles foi na fazenda Horizonte Perdido, na Serra da Bocaina, já o outro foi no Bairro Jardim Imperial


28/08/2020 18:06 - atualizado 28/08/2020 18:28

O fogo devastou uma área de 208 hectares(foto: Corpo de Bombeiros/ Divulgação)
O fogo devastou uma área de 208 hectares (foto: Corpo de Bombeiros/ Divulgação)
Dois incêndios foram registrados em Araxá, na Região do Alto Paranaíba, nessa quinta-feira (27). O primeiro ocorreu, no período da tarde, na fazenda Horizonte Perdido, na Serra da Bocaina. Já o segundo, no Bairro Jardim Imperial, em uma área residencial, durante a noite. Segundo o Corpo de Bombeiros, o fogo devastou uma área correspondente a 300 campos de futebol. 

De acordo com os bombeiros, por volta das 14h30, a guarnição recebeu uma ocorrência de incêndio em uma zona rural do município. Logo após o chamado, os militares se deslocaram para o local indicado e iniciaram o combate às chamas que se propagaram em direção a uma plantação de eucalipto. 

Ainda segundo os militares, uma estrada serviu de barreira de contenção do fogo, mas ainda assim foram devastados cerca de 200 hectares – o equivalente a 280 campos de futebol. 

Para controlar as chamas, foi gasto um caminhão com 20 mil litros de água, abafadores e sopradores. A ocorrência durou aproximadamente quatro horas e meia. Ninguém ficou ferido.

Segundo incêndio

O outro incêndio atingiu uma área residencial na Avenida Rosália Isaura de Araújo, no Bairro Jardim Imperial. O fogo começou por volta das 19h, próximo a casas do local, mas os muros impediram que as chamas avançassem. 

De acordo com o Corpo de Bombeiros, uma guarnição deslocou até o local para realizar o atendimento. A visibilidade estava comprometida, visto que saia muita fumaça da vegetação. Foram usadas abafadores, sopradores e água para conter o fogo, que se alastrou rapidamente. 

Uma área de oito hectares de pastagem – correspondente a 11 campos de futebol – foi destruída pelas chamas. 
 
* Estagiário sob supervisão da subeditora Ellen Cristie. 


receba nossa newsletter

Comece o dia com as notícias selecionadas pelo nosso editor

Cadastro realizado com sucesso!

*Para comentar, faça seu login ou assine

Publicidade