Publicidade

Estado de Minas

Jovens quebram quarentena com festa e são detidos após invadir casa na Grande BH

Caso ocorreu nesta manhã em São José da Lapa, na Grande BH. Arma e drogas foram apreendidas pela PM


postado em 27/04/2020 10:57 / atualizado em 27/04/2020 13:25

Material apreendido pela polícia. Um revólver foi recolhido(foto: Polícia Militar/Divulgação)
Material apreendido pela polícia. Um revólver foi recolhido (foto: Polícia Militar/Divulgação)


Uma festa em plena quarentena contra o coronavírus virou caso de polícia na manhã desta segunda-feira em São José da Lapa, na Região Metropolitana de Belo Horizonte. Além de quebrar a regra do isolamento social, cinco pessoas, que têm entre 16 e 20 anos, acabaram detidas após uma tentativa de furto a uma casa vizinha. Uma arma e drogas foram apreendidas. 

De acordo com o sargento Paulo Roger Rodrigues, da 247ª Companhia do 36º Batalhão, havia pelo menos 20 pessoas na festa, entre elas menores de idade. O espaço foi alugado e o evento ocorreu durante toda a madrugada. 

Nesta manhã, a PM foi acionada “Três pularam para uma casa ao lado e tentaram furtar materiais”, contou o policial. Os invasores eram um dos maiores de idade, o adolescente de 16 anos e uma mulher. A polícia foi chamada por uma moradora que flagrou a movimentação do trio no quintal. Eles não chegaram a entrar na casa. Segundo o policial, eles tentaram levar um fardo de cerveja em lata, duas garrafas de catuaba, uma de energético e um chapéu de palha.

Conforme o sargento Roger, quando a PM chegou ao local os outros convidados da festa dormiam. Ao ver a movimentação da polícia, eles começaram a se aglomerar para ver o que estava acontecendo. Eles foram abordados e mais duas pessoas foram detidas. “Uma (mulher) pela posse da droga e outro por ameaça ao dono da casa invadida”, contou o militar. A mulher citada estava com duas porções de maconha. Um revólver calibre 38 com munição também foi apreendido pelos policiais.

Além do crime, ainda podem ocorrer outras punições aos envolvidos. No início de abril, São José da Lapa decretou estado de calamidade pública por causa da pandemia do novo coronavírus, que causa da COVID-19. A cidade tem dois casos confirmados. A prefeitura do município também tem um decreto que estabelece medidas sanitárias para prevenir a doença e fala em sanções para quem contrariar as normas previstas. “Tem restrição de aglomeração (no município). O dono do sítio pode ser punido. Eles não tinham alvará para fazer o evento”, pontuou o sargento Roger. Após a conclusão da ocorrência, os cinco detidos seriam encaminhados à Polícia Civil. 


receba nossa newsletter

Comece o dia com as notícias selecionadas pelo nosso editor

Cadastro realizado com sucesso!

*Para comentar, faça seu login ou assine

Publicidade