Publicidade

Estado de Minas CORONAVÍRUS EM MINAS

Aglomeração, som alto, lixo e gritaria: moradores de Santa Luzia denunciam festas em sítios

Temor de quem vive na região é de que nesta terça-feira, feriado, novamente seja descumprida a recomendação de distanciamento social, vital em tempos da pandemia da COVID-19


postado em 20/04/2020 18:37 / atualizado em 20/04/2020 19:16

Moradores encontraram muito lixo espalhados nas ruas após festas nos sítios alugados para fins de semana e feriados(foto: Arquivo Pessoal)
Moradores encontraram muito lixo espalhados nas ruas após festas nos sítios alugados para fins de semana e feriados (foto: Arquivo Pessoal)

Ficar em casa, usar máscara para sair à rua e evitar aglomerações. São muitas as determinações das autoridades municipais para evitar o contágio do novo coronavirus, mas muita gente não cumpre as normas, deixando transparecer que está de férias, e não em isolamento social para afastar a COVID-19. Nesse cenário de "descontração, com muita gente", vários sítios no Bairro Recreios Bonanza, em Santa Luzia, na Grande BH, sediaram festas que vararam a madrugada no fim de semana (18 e 19). O receio dos moradores, que acionaram a Polícia Militar, é que a dose se repita nesta terça, feriado de 21 de Abril.

"O som estava alto, muitos carros estacionados nas ruas, gritaria e lixo aos montes na calçada", disse um morador do bairro, que fica a quatro quilômetros do Centro da cidade.

Pelos grupos de Whatsapp, os residentes do Bonanza trocaram informações. Um deles postou: "É impressionante como o brasileiro se opõe à lei de forma descarada e irresponsável. Em período de quarentena, o proprietário do sítio situado na Rua Amapá, número 290, continua a locá-lo. A noite inteira foi um som absurdo. Agora pela manhã (domingo, 19), a farra continua, com várias pessoas, muitas crianças, inclusive. Não respeitam nada, mesmo com decreto municipal em vigor".

Segundo a assessoria da Polícia Militar, foram registradas ocorrências desde sexta-feira. Em caso de novas aglomerações, os moradores devem ligar para o número 190 ou diretamente para a Companhia da PM na cidade: (31) 3641-2226.


receba nossa newsletter

Comece o dia com as notícias selecionadas pelo nosso editor

Cadastro realizado com sucesso!

*Para comentar, faça seu login ou assine

Publicidade