Publicidade

Estado de Minas

Preso suspeito de fazer família de bancário refém na Grande BH

Crime ocorreu nessa segunda-feira em Manhumirim, na Zona da Mata. Suspeito de integrar quadrilha foi detido ainda ontem


postado em 03/12/2019 11:24

Vítima trabalha em agência bancária de Manhumirim(foto: Reprodução da internet/Google Maps)
Vítima trabalha em agência bancária de Manhumirim (foto: Reprodução da internet/Google Maps)


Foi preso pela Polícia Civil um dos suspeitos de sequestrar a família de um bancário nessa segunda-feira em Manhumirim, na Zona da Mata. Foi mais um caso do crime do sapatinho, modalidade de extorsão mediante sequestro em que gerentes ou funcionários de estabelecimentos bancários são rendidos por criminosos enquanto familiares são mantidos em cativeiro. O objetivo é fazer com que eles entreguem o dinheiro das agências como “resgate”. 

Segundo a Polícia Civil, o grupo sequestrou o bancário e outras quatro pessoas da família dele. O homem permaneceu em Manhumirim sob poder de parte da quadrilha, enquanto as outras pessoas foram levadas para Contagem, na Região Metropolitana de Belo Horizonte, a mais de 300 quilômetros do outro município. 

As vítimas fora liberadas em uma operação que envolveu o Departamento Estadual de Operações Especiais (Deoesp) e a Delegacia de Polícia Civil em Manhumirim. A Polícia Civil informou que vai fornecer mais detalhes do caso ainda hoje. 


Publicidade