Publicidade

Estado de Minas

Chove forte em Belo Horizonte; tempo deve ficar instável até o fim de semana

De acordo com o monitoramento, choveu extremamente forte em Venda Nova, Pampulha, Oeste, Noroeste e Centro-Sul


postado em 15/11/2019 17:48 / atualizado em 15/11/2019 18:50

Chuva na capital mineira. Na foto, Defesa Civil monitora rio Arrudas, na Avenida Teresa Cristina.(foto: Tulio Santos/EM/D.A Press)
Chuva na capital mineira. Na foto, Defesa Civil monitora rio Arrudas, na Avenida Teresa Cristina. (foto: Tulio Santos/EM/D.A Press)
Choveu em toda a capital mineira no fim da tarde desta sexta-feira. A Defesa Civil ainda alerta para a possibilidade de pancadas de chuva com raios e rajadas de vento em torno de 50 km/h, até 8h de sábado. 

De acordo com o Clima Tempo, a passagem de uma frente fria predominam sobre Minas Gerais. Só não chove no sul do estado. Em Belo Horizonte, no leste e no oeste do estado o predomínio é de nuvens e chove a qualquer hora do dia. Ainda em Belo Horizonte, as temperaturas também devem cair ao longo do final de semana, com mínima de 19ºC na sexta e no sábado, e de 17°C no domingo.

De acordo com o monitoramento feito pela Defesa Civil nesta sexta-feira, choveu extremamente forte em Venda Nova, Pampulha, Oeste, Noroeste e Centro-Sul. (veja quadro abaixo)

Acumulado de chuva (mm), por regional de 15h até 16h40 de sexta-feira
     
Barreiro 6,0    
Centro Sul 14,0    
Leste 13,8    
Nordeste 18,0    
Noroeste 19,6    
Norte 13,0    
Oeste 14,4    
Pampulha 26,6    
Venda Nova 18,6    

Média Climatológica novembro: 239,8 mm 
Fonte: Defesa Civil de Belo Horizonte

Na Avenida Tereza Cristina, uma equipe da Defesa Civil fazia o monitoramento do córrego. Entretanto, agentes classificaram a situação como tranquila. O Rio Arrudas elevou o nível em 1,5 metros. Na Avenida Vilarinho, o mesmo foi feito. Corporação segue em prontidão e faz monitoramento visual. Porém, sem necessidade de bloqueios.

Apesar da chuva forte, nenhuma ocorrência foi registrada. Entretanto, nas últimas 24 horas, a corporação fez 10 atendimentos. Entre os mais solicitados estão risco de desabamento de muro, risco de destruição ou desabamento de muro e trincas. Entre 1º de outubro e 15 de novembro foram atendidas 566 ocorrências.

Recomendações durante a chuva
%u2800
- Redobre a sua atenção! Evite áreas de inundação e não trafegue em ruas sujeitas a alagamentos e próximos aos córregos e ribeirões no momento de forte chuva.
- Não atravesse ruas alagadas ou deixe crianças brincando na enxurrada e nas águas dos córregos.
- Não se abrigue nem estacione veículos debaixo de árvores.
- Atenção especial em áreas de encostas e morros.
- Jamais se aproxime de cabos elétricos rompidos. Ligue imediatamente para CEMIG (116) ou Defesa Civil (199).
- Se você observar o aparecimento de fendas, depressões no terreno, rachaduras nas paredes das casas e o surgimento de minas d’água avise imediatamente a Defesa Civil (199).
- Em caso de raios: não permaneça em áreas abertas e altas, não use equipamentos elétricos.%u2800

Fonte: Defesa Civil de Belo Horizonte 


Publicidade