Publicidade

Estado de Minas

Homens com passagens pela polícia são assassinados em BH

Crimes ocorreram nas regiões Noroeste e Oeste da capital


postado em 15/10/2019 10:13 / atualizado em 15/10/2019 11:29

(foto: Na Região Noroeste crime aconteceu em uma das pistas do Viaduto Dona Helena Greco no Bairro Carlos Prates)
(foto: Na Região Noroeste crime aconteceu em uma das pistas do Viaduto Dona Helena Greco no Bairro Carlos Prates)
A Polícia Militar registrou dois assassinatos em menos de 1h30 em Belo Horizonte, entre a noite de segunda-feira e a madrugada de terça. Dois homens, ambos com passagens pela polícia, foram executados brutalmente.

A primeira ocorrência foi por volta das 23h20, no Bairro Vila Imbaúbas, Região Oeste. Segundo militares do 5º Batalhão da Polícia Militar, testemunhas deram conta de que homens armados efetuaram cerca de 10 disparos contra um rapaz que havia saído recentemente do sistema prisional. Os atiradores fugiram em seguida.

De acordo com o boletim de ocorrência, familiares disseram que a vítima, Lucas Spinelli dos Santos, de 22 anos, havia saído da cadeia em julho deste ano, e desde então estaria sendo ameaçado de morte. Lucas foi atingido por 12 tiros e morreu no local.

Na Região Noroeste,no Viaduto Dona Helena Greco, no Bairro Carlos Prates, a Polícia Militar foi acionada na madrugada desta terça-feira por um transeunte que informou ter visto um homem ensanguentado caído ao chão pedindo socorro.

Chegando ao local, a vítima já estava sem vida. Os agentes conseguiram identificar o homem pelo número da tornozeleira eletrônica que ele usava. Sidivan do Carmo Silva, de 43 anos, foi assassinado a facadas. Segundo a PM, ele aparentava ser um morador de rua. Conforme informações da Secretaria de Estado Justiça e Segurança Pública, Sidivan cumpria pena em regime domiciliar, com monitoração eletrônica, desde o mês passado. Ele possuía 11 passagens pelo Sistema Prisional.

*Estagiária sob supervisão do subeditor Daniel Seabra


Publicidade