Publicidade

Estado de Minas

Homem é morto a tiros no quintal de casa; cunhado, que seria alvo, fica ferido na perna

De acordo com a PM, o homem pode ter sido morto por engano, já que o cunhado dele tinha passagem por homicídio e tráfico de drogas


postado em 09/10/2019 10:10 / atualizado em 09/10/2019 10:45

Crime ocorreu no Bairro Piratininga, em Venda Nova.(foto: Reprodução da internet/Google Maps )
Crime ocorreu no Bairro Piratininga, em Venda Nova. (foto: Reprodução da internet/Google Maps )
Um homem de 28 anos foi morto a tiros na noite dessa terça-feira (8), no quintal de casa no Bairro Piratininga, em Venda Nova, Região Metropolitana de Belo Horizonte. De acordo com a Polícia Militar, existe a possibilidade do homem ter sido morto por engano, já que seu cunhado que estava na casa e foi atingido na coxa direita e sobreviveu, tem passagens pela polícia por homicídio e tráfico de drogas.

Segundo o boletim de ocorrência, a PM foi acionada por volta das 21h40. Chegando ao local, os agentes encontraram o rapaz de 29 anos baleado e o outro homem já sem vida, com um tiro no rosto e outro na lombar. O cunhado foi socorrido e encaminhado para o Hospital Risoleta Neves. 

Em depoimento, a irmã do homem assassinado, que é casada com o rapaz baleado, relatou que estava na sala da casa com três crianças quando dois suspeitos invadiram a residência. O companheiro dela e o irmão tentaram escapar dos bandidos pulando o muro do imóvel, mas apenas o marido conseguiu escapar.

Testemunhas relatam que os bandidos fugiram em um carro vermelho, que foi abandonado logo em seguida na Rua dos Xavantes, na Região da Pampulha. A PM suspeita que os marginais sejam do Aglomerado do Índio, mas até o momento não conseguiram localizá-los. Peritos estiveram no local, o veículo vermelho foi apreendido e a ocorrência foi encaminhada para a 1º Delegacia de Polícia de Venda Nova. 

* Estagiária sob supervisão do subeditor Frederico Teixeira 


Publicidade