Publicidade

Estado de Minas

Ex-candidato a vereador está entre os mortos em ação da PM contra quadrilha em Minas

Quadrilha pretendia assaltar carro-forte no Norte de Minas e foi surpreendia pela polícia. Tiroteio terminou com seis mortos e polícia procura restante do bando


postado em 26/09/2019 12:01

Fuzil 762 e outras armas de grosso calibre foram apreendidas pela polícia(foto: Luiz Ribeiro/EM/DA Press)
Fuzil 762 e outras armas de grosso calibre foram apreendidas pela polícia (foto: Luiz Ribeiro/EM/DA Press)


A Polícia Militar de Minas Gerais, Batalhão de Operações Especiais (Bope), policiais da Bahia e outras equipes especializadas continuam as buscas e cerco para prender o restante do grupo envolvido em um tiroteio com policiais ontem em Padre Carvalho, Norte de Minas Gerais. Eles pretendiam assaltar um carro-forte que se seguia de Salinas para Montes Claros. 

Nesta quinta-feira, o major Flávio Santiago, porta-voz da Polícia Militar de Minas, informou que a estimativa é de que o grupo era composto por 10 pessoas, sendo que seis foram mortas no confronto no fim da tarde dessa quarta-feira. Entre eles, está um ex-candidato a vereador de Padre Carvalho.

A quadrilha era da Bahia e vinha sendo monitorada. Há dois dias, policiais de Minas e da Bahia detectaram a ação deles na região e conseguiram interceptá-los. 

Conforme o major Santiago, os quatro criminosos restantes teriam fugindo para um matagal na região do município, onde há várias estradas vicinais e áreas de plantio de eucalipto, o que dificulta as buscas. A caçada ao bando conta com o reforço de um helicóptero e grupos especializados em buscas na mata. 

Criminosos estavam com mais de 100 quilos de explosivos, alguns adaptados com imãs para atacar carros-fortes(foto: Luiz Ribeiro/EM/DA Press)
Criminosos estavam com mais de 100 quilos de explosivos, alguns adaptados com imãs para atacar carros-fortes (foto: Luiz Ribeiro/EM/DA Press)


Em entrevista coletiva hoje, a PM apresentou o grande armamento de grosso calibre e munições apreendidas com os bandidos. Chamou a atenção a grande quantidade de explosivos, em torno de 200 quilos. Um detalhe é que havia bombadas adaptadas com imã para ser usadas em ataques a carros-fortes. 

O bando foi surpreendido pela polícia em um sítio próximo ao trevo da estrada de Padre Carvalho com a BR-251, a 14 quilômetros da sede do município. De acordo com Santiago, o grupo poderia atacar tanto carros-fortes quanto caixas eletrônicos. 


Publicidade