Publicidade

Estado de Minas

Chimpanzé Lunga morre aos 17 anos no zoológico de BH

Técnicos da Fundação de Parques Municipais e Zoobotânica ainda investigam as causas da morte


postado em 01/05/2019 10:35 / atualizado em 01/05/2019 19:02

Morreu na noite desta terça-feira (30) o chimpanzé Lunga, no Jardim Zoológico de Belo Horizonte. Ainda não se sabe a causa exata do óbito. Segundo a Fundação de Parques Municipais e Zoobotânica, o animal apresentava-se indisposto e vinha sendo monitorado desde segunda-feira, mas acabou falecendo.

Ainda de acordo com a fundação, o corpo do primata, que completaria 18 anos em outubro, passará por exames de necropsia. Os resultados devem sair em 30 dias.

Restam no zoológico dois indivíduos da espécie de Lunga: o pai dele, Serafim, de 31 anos, vindo de Barcelona; e Dorothéia, de 39 anos, nascida em Belo Horizonte.
 

 

Os comentários não representam a opinião do jornal e são de responsabilidade do autor. As mensagens estão sujeitas a moderação prévia antes da publicação

Publicidade