Publicidade

Estado de Minas

Destruição do Rio Jequitinhonha por garimpo impressiona - Veja vídeo de operação

Em operação da Polícia Federal e da Secretaria de Estado do Meio Ambiente e Desenvolvimento Sustentável (Semad) explodiu máquinas e prendeu devastadores


postado em 06/04/2019 10:24 / atualizado em 06/04/2019 14:48


O garimpo ilegal no Rio Jequitinhonha, entre Diamantina e Couto de Magalhães, sofreu uma megaoperação da Polícia Federal, com o apoio da Polícia Militar e da Secretaria de Estado do Meio Ambiente e Desenvolvimento Sustentável (Semad) na última terça-feira (02), resultando em oito prisões e dois foragidos.

A ação contou com o uso de explosivos (assista aos vídeos), com os quais a PF destruiu dragas e tratores para impedir o retorno da atividade ilegal. De acordo com a corporação, a Operação Salve o Jequitinhonha envolveu cerca de 300 policiais, com a participação de cerca de 240 PMs e 12 servidores da Semad.

Conforme a PF, seis garimpos investigados na região movimentavam entre R$ 15 milhões e R$ 20 milhões por mês em diamantes ilegais que seriam contrabandeados para o exterior.


Publicidade