Publicidade

Estado de Minas

Estrada que dá acesso a Brumadinho será reaberta com restrições

Será permitida apenas a passagem de serviços essenciais devidamente triados. A medida é para garantir a segurança da população, segundo a Polícia Militar (PM)


postado em 01/02/2019 21:55 / atualizado em 01/02/2019 22:04

Não será permitida a passagem de sitiantes e de pessoas que queiram ver a tragédia(foto: Tulio Santos/EM/D.A Press)
Não será permitida a passagem de sitiantes e de pessoas que queiram ver a tragédia (foto: Tulio Santos/EM/D.A Press)

A estrada Alberto Flores, na zona rural de Brumadinho e que dá acesso à cidade, deverá ser desinterditada nos próximos dias, mas apenas para passagem de serviços essenciais devidamente triados para garantir a segurança da população, informou nesta sexta-feira o major Flávio Santiago, porta-voz da Polícia Militar (PM). “Com o desbloqueio, sitiantes ou pessoas que querem conhecer a tragédia podem tentar chegar à cidade e não será autorizado para o resguardo da operação”, afirmou.


Entre 900 a 1 mil policiais militares foram realocados para o patrulhamento das zonas rural e urbana e o cerco à região. A intenção é evitar saques a imóveis que porventura estejam vazios. O comando da PM, segundo o major, estuda a possibilidade de convocar tropas do interior do estado para que os homens atualmente em serviço possam descansar depois de uma semana de trabalhos.

Os comentários não representam a opinião do jornal e são de responsabilidade do autor. As mensagens estão sujeitas a moderação prévia antes da publicação

Publicidade