Publicidade

Estado de Minas

Polícia Civil abre inquérito para apurar rompimento de barragem em Brumadinho

Nos próximos dias, serão convocadas testemunhas que possam dar mais informações importantes para as investigações


postado em 28/01/2019 15:10 / atualizado em 28/01/2019 15:14

(foto: Alexandre Guzanshe/EM/D.A Press)
(foto: Alexandre Guzanshe/EM/D.A Press)

A Polícia Civil instaurou um inquérito para investigar o rompimento da barragem em Brumadinho, na Região Metropolitana de Belo Horizonte. Nos próximos dias, serão convocadas testemunhas que possam dar mais informações importantes para as investigações. Além disso, será apurado casos de estelionatos de pessoas que fazem anúncios falsos para arrecadar dinheiro.

Ver galeria . 18 Fotos Buscas por vítimas de rompimento de barragem em Brumadinho entraram no quarto dia nesta segunda-feira. Israelenses começaram a trabalhar hoje. Primeiros corpos foram sepultados na cidadeRenan Damasceno/EM/D.A. Press
Buscas por vítimas de rompimento de barragem em Brumadinho entraram no quarto dia nesta segunda-feira. Israelenses começaram a trabalhar hoje. Primeiros corpos foram sepultados na cidade (foto: Renan Damasceno/EM/D.A. Press )


"A Polícia Civil está trabalhando diuturnamente para localização e resgate de vítimas, além da liberação dos corpos encaminhados ao IML", explicou o delegado da corporação, Wagner Pinto Souza. "Já foi instaurado o inquérito policial para apurar as causas e identificar ressonáveis", acrescentou.

No primeiro momento, a polícia está fazendo exames periciais em loco na flora e na fauna do ambiente. "Estamos fazendo a perícia técnica - elemento necessário. Estamos em fase de apuração", explicou. Até semana que vem pessoas devem começar a ser ouvidas.

Um inquérito também será aberto para investigar casos de estelionato de pessoas que se aproveitam da situação para fazer falsos anúncios e arrecadas dinheiro.

Os comentários não representam a opinião do jornal e são de responsabilidade do autor. As mensagens estão sujeitas a moderação prévia antes da publicação

Publicidade