Publicidade

Estado de Minas

Operação detecta mais de 1,2 mil hectares de Mata Atlântica desmatados em cinco cidades mineiras

Força-tarefa desempenhada pelo Ministério Público aplicou, no estado, multas que ultrapassam R$ 5 milhões; armas também foram apreendidas


postado em 17/09/2018 19:58

Imagem meramente ilustrativa.(foto: Minervino Junior/CB/D.A Press)
Imagem meramente ilustrativa. (foto: Minervino Junior/CB/D.A Press)

O Ministério Público de Minas Gerais (MPMG) informou, nesta segunda-feira, que mais de 1,2 mil hectares de Mata Atlântica foram desmatados nos municípios de Curral de Dentro (Norte), Águas Vermelhas (Norte), Medina (Médio Jequitinhonha), Cachoeira de Pajeú (Médio Jequitinhonha)e Santa Cruz de Salinas (Norte). O dado foi obtido a partir da Operação Mata Atlântica em Pé, desencadeada em todo Brasil.


Os trabalhos foram desempenhados durante toda a semana passada pelo Núcleo de Combate aos Crimes Ambientais (Nucrim), filiado ao MP. No total, a investigação alcançou 70 propriedades em Minas, lavrou 48 autos de infração ambiental e aplicou mais de R$ 5 milhões em multas. Além disso, quatro armas de fogo, uma arma branca, 4.413 metros cúbicos de lenha e carvão e dois pássaros foram apreendidos.


A operação, que envolveu MPs e órgãos ambientais de 15 estados, confirmou o desmatamento de mais de 5,2 mil hectares de mata no país. Em plano nacional, o poder público fiscalizou cerca de 500 propriedades e apreendeu mais de 7 mil metros cúbicos de madeira. As multas emitidas superaram R$ 20 milhões.


A operação foi lançada na última segunda-feira (10) para identificar desmatamentos em áreas Mata Atlântica, punir os responsáveis e cobrar a reparação dos danos. A Operação Mata Atlântica em Pé alcançou os estados do Paraná, Rio Grande do Sul, Santa Catarina, Mato Grosso do Sul, Goiás, São Paulo, Espírito Santo, Minas Gerais, Bahia, Sergipe, Pernambuco, Paraíba, Rio Grande do Norte, Piauí e Ceará.


Para determinar qual área seria investigada, o MP considerou imagens via satélite. A Mata Atlântica está presente em 17 estados brasileiros e cobre (em sua extensão original) cerca de 13% do território nacional, onde vivem aproximadamente 140 milhões de pessoas.

Os comentários não representam a opinião do jornal e são de responsabilidade do autor. As mensagens estão sujeitas a moderação prévia antes da publicação

Publicidade