Publicidade

Estado de Minas

Brasil perde o músico Amaraí, autor de um dos hinos do sertão

Morador de Alfenas, no Sul de Minas, Amaraí formava dupla sertaneja com Belmonte e os dois compuseram "Saudade da Minha Terra", interpretada por mais de 150 sertanejos


postado em 22/07/2018 14:34 / atualizado em 22/07/2018 14:56

Amaraí cantando ao lado de Belmonte, seu parceiro de dupla sertaneja por mais de 50 anos(foto: Reprodução/ Facebook)
Amaraí cantando ao lado de Belmonte, seu parceiro de dupla sertaneja por mais de 50 anos (foto: Reprodução/ Facebook)
Morreu neste sábado (21) o cantor e compositor Amaraí, da dupla sertaneja Belmonte e Amaraí. O baiano Domingos Sabino da Cunha tinha 77 anos e morava em Alfenas, no Sul de Minas. Ficou famoso por sua canção mais célebre, "Saudade de Minha Terra" (1966) ter sido interpretada por mais de 150 artistas e ser considerada um dos hinos do sertão.

A canção chegou a ser gravada por nomes atuais do gênero, como Michel Teló, e outros consagrados, como Chitãozinho e Xororó, Milionário e José Rico e Sérgio Reis. A dupla gravou 12 discos, com sucessos como “Pombinha Mensageira”, “A Fronha”, “Entre Lágrimas”, “Desventura” e “Saudade de Goiás”.

O músico deixa quatro filhos. O sepultamento será feito neste domingo (22), em Alfenas, às 17h.

Os comentários não representam a opinião do jornal e são de responsabilidade do autor. As mensagens estão sujeitas a moderação prévia antes da publicação

Publicidade