Publicidade

Estado de Minas

Terra volta a tremer em Poços de Caldas no Sul de Minas

Abalo de 2.2 de magnitude ocorreu na noite desta terça-feira. Moradores da cidade ligaram para o Corpo de Bombeiros em busca de informações, mas não houve chamado por danos devido o tremor


postado em 17/07/2018 22:30 / atualizado em 18/07/2018 00:00

Página do Observatório Sismológico da Universidade de Brasília (UNB) registrou tremor às 21h29
Página do Observatório Sismológico da Universidade de Brasília (UNB) registrou tremor às 21h29
Poços de Caldas, no Sul de Minas, teve tremor de 2.2 de magnitude na Escala Richter às 21h29 desta terça-feira, segundo informou o Observatório Sismológico da Universidade de Brasília (UNB). No sábado, a cidade de Porteirinha, no Norte, teve registro de um abalo de 2.0 de magnitude às 15h44.

De acordo com o Corpo de Bombeiros de Poços de Caldas, durante o evento foram atendidas ligações de moradores do município perguntando a respeito do tremor. Porém, não houve qualquer caso que necessitasse empenho dos bombeiros.

Nas redes sociais houve vários comentários de moradores do município sobre o evento. Em janeiro de 2017 também foi registrado um abalo, de 3.2 na Escala Richter, também se consequências.

Em 193 anos, foram registrados cerca de 740 tremores no estado, nove deles acima de 4 graus na Escala Richter, magnitude que pode causar algum tipo de dano.

O maior fenômeno, de 4,9 graus, ocorreu em 9 de dezembro de 2007 em Caraíbas, no Município de Itacarambi, Norte de Minas, e causou a primeira morte provocada por um tremor de terra no Brasil, de uma menina de 5 anos.

Os comentários não representam a opinião do jornal e são de responsabilidade do autor. As mensagens estão sujeitas a moderação prévia antes da publicação

Publicidade