Publicidade

Estado de Minas

PBH anuncia reabertura de licitação para obras em área de alagamentos nas regiões Norte e Pampulha

Com custo superior a R$ 45 milhões, intervenções visam alagamento de cursos da Bacia do Ribeirão do Onça, que no período chuvoso causa inundações na Avenida Cristiano Machado


postado em 16/07/2018 23:08 / atualizado em 16/07/2018 23:23

Moradores do Bairro Dona Clara sofrem com os transbordamentos do Ribeirão do Onça(foto: Felipe Jayme Costa/Divulgação)
Moradores do Bairro Dona Clara sofrem com os transbordamentos do Ribeirão do Onça (foto: Felipe Jayme Costa/Divulgação)
A Prefeitura de Belo Horizonte anunciou nesta segunda-feira a reabertura de licitação para a execução das obras e serviços de otimização do Sistema de Macrodrenagem da Bacia do Ribeirão do Onça, na regional Nordeste, conforme edital publicado no Diário Oficial do Município (DOM) no sábado., no último dia 14.

A obra faz parte de um pacote de intervenções em áreas críticas da cidade no período chuvoso, de forma a minimizar os risco de enchentes na Vila São Tomás e Dona Clara, na Pampulha, além da Avenida Cristiano Machado, no Primeiro de Maio, Norte da capital. 
O valor teto no edital está estimado em R$ 45.237.337,67, com recursos provenientes do Fundo Municipal de Saneamento (FMS) e do financiamento junto ao Ministério das Cidades.

A obra integra a primeira fase da otimização do Sistema de Macrodrenagem dos três córregos: Onça, Ribeirão Pampulha e Cachoeirinha. Será feita a implantação de canal paralelo à canalização existente no Ribeirão do Onça, iniciando nas proximidades do cruzamento da avenida Cristiano Machado com avenida Risoleta Neves até a divisa com a faixa de domínio da CBTU dentro da Estação São Gabriel, numa extensão de 286,96 metros. No trecho final, próximo à faixa de domínio da CBTU, esta nova estrutura se interligará ao canal já existente no Ribeirão do Onça. 

As intervenções deste canal projetado serão executadas utilizando a tecnologia de construção conhecida como parede diafragma. Está projetada ainda a junção com o canal do Ribeirão do Onça existente, que será executada também com a mesma tecnologia. Serão colocadas ainda vigas de concreto armado, “abraçando” a canalização já existente.

A previsão de duração dos trabalhos é de 540 dias contados a partir da assinatura da primeira ordem de serviço. A data final para o recebimento de proposta é dia 9 de agosto. Durante o processo licitatório (SMOBI 010/2018) todas as informações podem ser acompanhadas por meio das publicações do Diário Oficial do Município (DOM) ou pelo Portal de Informações e Serviços, no link licitações.

Os comentários não representam a opinião do jornal e são de responsabilidade do autor. As mensagens estão sujeitas a moderação prévia antes da publicação

Publicidade