Publicidade

Estado de Minas

Polícia Federal desarticula golpe no sistema imobiliário em Minas


postado em 05/07/2018 16:57

Uma quadrilha especializada na criação de documentos falsos para obtenção de financiamentos imobiliários, abertura de contas e acesso a crédito em nome de pessoas que não existem foi desarticulada nesta quinta-feira. A ação ocorreu durante a operação “Negócio de família”, deflagrada pela Polícia Federal (PF).


A corporação cumpriu cinco mandados judiciais de busca e apreensão e 17 mandados judiciais de sequestro de bens em nome dos envolvidos. A Justiça também deferiu o requerimento de bloqueio de contas em nome de todos os CPFs e empresas identificadas.

De acordo com a PF, a quadrilha teria fraudado bancos públicos e credores diversos. Durante as investigações, foram identificadas diversas empresas, CPFs, carteiras de identidade e outros documentos em nome de pessoas fictícias criadas pelos investigados.

O nome da operação se deve ao fato de a maioria dos membros da quadrilha fazer parte do mesmo núcleo familiar.

Os comentários não representam a opinião do jornal e são de responsabilidade do autor. As mensagens estão sujeitas a moderação prévia antes da publicação

Publicidade