Publicidade

Estado de Minas

Trio é preso em São Paulo suspeito de ataques a banco em Campo do Meio


postado em 12/06/2018 09:28

Materiais apreendidos com os suspeitos detidos na segunda-feira(foto: Polícia Civil de SP/Divulgação)
Materiais apreendidos com os suspeitos detidos na segunda-feira (foto: Polícia Civil de SP/Divulgação)

Uma operação conjunta entre Polícia Civil, Polícia Militar e Guarda Municipal de Cordeirópolis, no interior de São Paulo,  terminou com a prisão de três suspeitos de envolvimento nos ataques a banco registrados na madrugada dessa segunda-feira em Campo do Meio, Sul de Minas Gerais. 

Os dois homens e uma mulher foram localizados ontem à noite. Um dos suspeitos teria procurado o hospital da cidade. Ele estava baleado na perna e contou que tinha sido vítima de um disparo acidental. A PM foi acionada e desconfiou da versão. Ele estava acompanhado da mulher e de outro homem, que seria empregado do casal. As versões contadas por cada um não batiam. O homem e a mulher foram encaminhados para a delegacia da cidade. Já o suspeito baleado foi levado, sob escolta policial, para a Santa Casa de Limeira.

A polícia investiga se eles são integrantes de uma organização criminosa que age dentro e fora dos presídios. Todos os presos vão ser encaminhados a Minas. 

Ainda na segunda, o Batalhão de Operações Especiais (BOPE), de Belo Horizonte, teve que ser acionado para detonar os explosivos que os bandidos deixaram para trás. Os artefatos foram deixados nos caixas eletrônicos e nos cofres das agências. O prejuízo com as explosões ainda não foi divulgado. Um suspeito foi baleado e morreu no local. 

Os comentários não representam a opinião do jornal e são de responsabilidade do autor. As mensagens estão sujeitas a moderação prévia antes da publicação

Publicidade