Publicidade

Estado de Minas

Carro capota e cai no Córrego Ressaca, na Pampulha

Seis pessoas ficaram feridas, sendo três delas com gravidade. Os bombeiros precisaram utilizar ferramentas para retirar feridos de dentro das ferragens


postado em 09/06/2018 12:51 / atualizado em 09/06/2018 18:15

Carro caiu no Córrego Ressaca(foto: Bombeiros/Divulgação)
Carro caiu no Córrego Ressaca (foto: Bombeiros/Divulgação)
Seis pessoas ficaram feridas depois que o carro no qual estavam caiu no Córrego Ressaca, na Avenida Heráclito Mourão de Miranda, altura do número 1.630, no Bairro Castelo, na Região da Pampulha. O acidente ocorreu por voltas das 5h40, na altura do número 1.630. De acordo com a ocorrência policial, o carro capotou e caiu dentro do leito, ferindo seus seis ocupantes, três deles, incluindo o motorista, com gravidade. Eles foram levados para o Hospital de Pronto-Socorro João XXIII.

 

Ainda de acordo com a polícia, os ocupantes informaram que o veículo em que estavam foi fechado por outro, perdeu o controle e capotou indo parar dentro do córrego. Equipes de resgate do Corpo de Bombeiros Militar e do Serviço de Atendimento Médico de Urgência (Samu) foram acionadas para socorrer as vítimas. Foi necessário a atuação dos bombeiros para cerrar as ferragens do veículo, pois algumas vítimas estavam presas. Uma das grandes preocupações foi justamente o alto grau de poluição das águas do córrego, que é um dos mais contaminados afluentes da Lagoa da Pampulha.

 

A BHTrans também foi chamada, mas a empresa de transporte e trânsito informou não poder remover o veículo de dentro do córrego. A alegação é que o serviço apenas remove emergencialmente veículos que se encontrem bloqueando o tráfego em pistas de rolamento.

 

No caso,  a responsabilidade de remoção do veículo recaiu sobre os proprietários, que já acionaram o guincho particular.

Os comentários não representam a opinião do jornal e são de responsabilidade do autor. As mensagens estão sujeitas a moderação prévia antes da publicação

Publicidade