Publicidade

Estado de Minas

Ônibus rodam com viagens reduzidas neste sábado em BH; aplicativos têm menos carros

De acordo com a BHTrans, o horário de domingo foi adotado devido a redução dos estoques de combustíveis nas empresas operadoras de ônibus. A autarquia informou que na manhã deste sábado não foi registrado nenhum tumulto ou lotação em estações


postado em 26/05/2018 08:42 / atualizado em 26/05/2018 10:36

Na Estação São Gabriel, passageiros esperam pelos ônibus(foto: BHTrans/Divulgação)
Na Estação São Gabriel, passageiros esperam pelos ônibus (foto: BHTrans/Divulgação)

Quem precisa do transporte público em Belo Horizonte deve ter atenção e, principalmente, paciência. Os ônibus estão circulando pela cidade neste sábado, mas com horários de domingo. Em horários de pico, viagens estão tendo reforços de coletivos. Os adeptos aos motoristas de aplicativos  estão com dificuldades de encontrar veículos. A tarifa também está mais cara.

De acordo com a BHTrans, a medida foi necessária devido à redução dos estoques de combustíveis nas empresas operadoras de ônibus. A autarquia informou que na manhã deste sábado não foi registrado nenhum tumulto ou lotação em estações. Em alguns terminais, veículos reforçaram as viagens.

O quadro é totalmente diferente do que foi visto nessa sexta-feira. Logo nas primeiras horas da manhã de ontem já era possível perceber que o dia não seria fácil para os moradores da capital mineira e cidades da região metropolitana. Com os pontos lotados, alguns coletivos passavam sem parar, o que deixou passageiros indignados.

BHTrans afirma que não foram registradas confusões(foto: BHTrans/Divulgação)
BHTrans afirma que não foram registradas confusões (foto: BHTrans/Divulgação)


Na Estação BHBus Pampulha, a revolta se transformou em protesto quando centenas de pessoas se uniram e atearam fogo a materiais inflamáveis nas pistas de entrada e saída dos coletivos. O serviço ficou paralisado, o que provocou a intervenção da Polícia Militar, aumentando a tensão ainda mais. A circulação foi liberada depois de alguns minutos. Com metade dos ônibus e menos veículos rodando nas ruas da cidade, devido à dificuldade de abastecer, o trânsito somente ficou retido nos locais onde ocorreram protestos.

Nessa quinta-feira, o quadro de horários das viagens de ônibus da capital mineira já havia sido cortado em 50% fora dos horários de pico, de acordo com Sindicato das Empresas de Transporte de Passageiros de Belo Horizonte (Setra-BH). Entretanto, nesta sexta-feira, 60% da frota está nas ruas da cidade. O Setra-BH não divulga a estimativa de estoque, mas extraoficialmente representantes de empresas do ramo sustentam que a maioria tem combustível disponível para no máximo dois dias, isto é, até este fim de semana.

Na Região Metropolitana, até as 8h, os ônibus funcionarão com quadro de sábado e, depois desse horário, com as viagens de domingo. De acordo com o Sindicato das Empresas de Transporte de Passageiros Metropolitano (Sintram), no domingo eles permanecem com o quadro específico do dia. Nesta sexta-feira, os ônibus metropolitanos rodam com quadro de horários de sábado.

Aplicativos de caronas pagas estão com menos carros(foto: REprodução)
Aplicativos de caronas pagas estão com menos carros (foto: REprodução)

Os comentários não representam a opinião do jornal e são de responsabilidade do autor. As mensagens estão sujeitas a moderação prévia antes da publicação

Publicidade