Publicidade

Estado de Minas

Idoso morre depois de atropelado por ciclomotor conduzido por adolescente em BH

menor foi apreendido e levado para o Centro Integrado de Atendimento ao Adolescente Autor de Ato Infracional %u2013 CIA/BH


postado em 21/05/2018 23:04

Ciclomotor foi apreendido por policiais(foto: PMMG/Divulgação)
Ciclomotor foi apreendido por policiais (foto: PMMG/Divulgação)
Um idoso de 86 anos morreu na noite desta segunda-feira ao ser atropelado por um ciclomotor Shineray 50, popularmente chamada de “cinquentinha”, conduzida por um adolescente. O menor perdeu o controle do veículo quando descia a Rua Aloísio Campos do Amaral, no Serra Verde, Região do Venda Nova em Belo Horizonte.

De acordo com a Polícia Militar, ao ser atingido pelo ciclomotor, o idoso caiu e bateu com a cabeça no chão e teve morte imediata. O veículo foi apreendido, e o adolescente levado para o Centro Integrado de Atendimento ao Adolescente Autor de Ato Infracional – CIA/BH.

Desde novembro de 2016, segundo o Departamento Nacional de Trânsito (Denatran), é exigida a Carteira Nacional de Habilitação (CNH) na categoria A, para motos, ou a Autorização de Condução de Ciclomotor, de 50 cilindradas. Portanto, adolescente não pode pilotar esse tipo de veículo, como a Shineray 50.

Quem é pego conduzindo "cinquentinha" sem habilitação comete infração gravíssima com multa agravada, que é multiplicada por três, ou seja, do valor de R$ 293,47 pela penalidade, sobe para R$ 880,41. Sem a habilitação, se envolver em acidente com morte ou feridos, responde por crime de trânsito.

Os comentários não representam a opinião do jornal e são de responsabilidade do autor. As mensagens estão sujeitas a moderação prévia antes da publicação

Publicidade