Publicidade

Estado de Minas

Após tentativa de fuga frustrada, Nelson Hungria passará por inspeção

Para tentar fugir da unidade prisional, os presos quebraram paredes e abriram buracos, mas foram descobertos por agentes


postado em 28/03/2018 12:23 / atualizado em 28/03/2018 12:54

Buraco aberto em uma das celas na Nelson Hungria (foto: Internet/ Whatsapp/ Reprodução )
Buraco aberto em uma das celas na Nelson Hungria (foto: Internet/ Whatsapp/ Reprodução )
Em uma tentativa de fuga fristrada, presos abriram buracos em paredes de duas celas da Penitenciária de Segurança Máxima Nelson Hungria, em Contagem, na Grande BH, na tarde dessa terça-feira. Após a ocorrência, a Secretaria de Estado e Administração Prisional (Seap-MG) informou que está programada uma inspeção na unidade antes do feriado. 

De acordo com nota enviada pela assessoria de imprensa da pasta ao Estado de Minas, a tentativa de fuga foi  descoberta no início da noite por agentes penitenciários. Os buracos foram encontrados em duas celas. 
(foto: Internet/ Whatsapp/ Reprodução )
(foto: Internet/ Whatsapp/ Reprodução )
 
Os detentos que estavam nas carceragens foram realocados e, segundo a Seap, um procedimento administrativo vai apurar a conduta dos presos e os danos ao patrimônio.  

Inspeção 

Segundo a Seap, o pente-fino programado para os próximos dias não tem relação com a tentativa de fuga. A operação é devido à proximidade do feriado prolongado, conforme informado pela assessoria de imprensa da pasta. Uma nota será enviada à imprensa detalhando a operação de fiscalização. 

* Sob supervisão da subeditora Jociane Morais



Os comentários não representam a opinião do jornal e são de responsabilidade do autor. As mensagens estão sujeitas a moderação prévia antes da publicação

Publicidade