Publicidade

Estado de Minas

Blitze da Lei Seca têm 104 motoristas detidos por dirigir alcoolizados em Minas

Na capital mineira, um dos pontos das ações da Campanha 'Sou pela Vida. Dirijo sem Bebida' foi no Anel Rodoviário, na altura do Bairro Buritis, Região Oeste da cidade


postado em 29/01/2018 13:18 / atualizado em 29/01/2018 20:52

Ação aconteceu em Belo Horizonte e em outras 17 cidades mineiras(foto: Sesp/Divulgação)
Ação aconteceu em Belo Horizonte e em outras 17 cidades mineiras (foto: Sesp/Divulgação)

A mistura de álcool e direção voltou a ser combatida em Minas Gerais. Entre a noite de sábado e madrugada de domingo, 104 motoristas flagrados por dirigir depois de consumir bebidas alcoólicas e todo o estado. Destes, 17 foram presos por crime de trânsito, quando o teor etílio, acusado no teste do bafômetro, atinge valores superiores a 0,33 miligramas por litro de ar expelido. Na capital mineira, um dos pontos das ações da Campanha “Sou pela Vida. Dirijo sem Bebida” foi no Anel Rodoviário, na altura do Bairro Buritis, Região Oeste da cidade.

Além dos motoristas presos por crime de trânsito, outros 87 foram detidos por terem sido flagrados, após o teste do etilômetro, com teor alcoólico abaixo de 0,33 mg/l. Essas pessoas foram detidas, tiveram a Carteira Nacional de Habilitação (CNH) recolhida e receberam multas de R$  2.934,70.

Em Belo Horizonte, a tecnologia ajudou na operação no Anel Rodoviário. A carreta do Centro Integrado de Comando e Controle Móvel (CICC Móvel) foi usada nas ações e as câmeras acopladas no veículo ajudaram a cruzar informações e checar dados, como mandados em aberto e uso de tornozeleiras eletrônicas. Os equipamentos tinham um alcance de mais de 30 metros quadrados. Outro benefício foi a possibilidade da confecção dos boletins de ocorrência no local da blitz.

Na capital mineira foram 155 carros abordados, sendo cinco motoristas inabilitados flagrados, sete pessoas detidos por dirigir alcoolizado, e um condutor preso por crime de trânsito. Em Contagem, na Grande BH, oito pessoas foram detidas alcoolizadas, e em Betim, também na região metropolitana, três condutores cometeram a mesma infração.

Em Belo Horizonte, uma das ações aconteceu no Anel Rodoviário(foto: Polícia Militar Rodoviária (PMRV) / Divulgação)
Em Belo Horizonte, uma das ações aconteceu no Anel Rodoviário (foto: Polícia Militar Rodoviária (PMRV) / Divulgação)


Em Uberaba, na Região do Triângulo Mineiro, destaca o número de inabilitados flagrados nas ações, foram 12 no total. Além disso, três motoristas foram flagrados alcoolizados e um preso por crime de trânsito. As cidades com os maiores números de presos por crime de trânsito foram Ubá, na Zona da Mata, e Nova Porteirinha, no Norte de Minas, com três prisões cada.

As blitzes são coordenadas pela Secretaria de Estado de Segurança Pública (Sesp), com execução conjunta com a Polícia Militar (PM), Polícia Militar Rodoviária (PMRv), Polícia Civil, Polícia Rodoviária Federal (PRF), Guarda Municipal de Belo Horizonte e de algumas cidades do interior e BHTrans.

Os comentários não representam a opinião do jornal e são de responsabilidade do autor. As mensagens estão sujeitas a moderação prévia antes da publicação

Publicidade