Publicidade

Estado de Minas

Dia de São Judas Tadeu, o santo das causas impossíveis, mobiliza milhares de fiéis em BH

Na capital mineira, o Santuário Arquidiocesano que leva o nome do santo, localizado no Bairro da Graça, na Região Nordeste, está lotado desde a madrugada, quando tiveram início as missas


postado em 28/10/2017 09:20 / atualizado em 28/10/2017 09:43

Santuário Arquidiocesano São Judas, no Bairro da Graça, amanheceu lotado de pessoas(foto: Paulo Filgueiras/EM/D.A.Press)
Santuário Arquidiocesano São Judas, no Bairro da Graça, amanheceu lotado de pessoas (foto: Paulo Filgueiras/EM/D.A.Press)

Milhares de pessoas celebram neste sábado o dia de São Judas Tadeu, o Santo das causas impossíveis. Uma vasta programação foi preparada para receber os fiéis em diferentes paróquias de Belo Horizonte e em cidades da região metropolitana. Na capital mineira, o Santuário Arquidiocesano que leva o nome do santo, localizado no Bairro da Graça, na Região Nordeste, está lotado desde a madrugada, quando tiveram início as missas. Trânsito foi alterado no entorno.

Nos primeiros minutos deste sábado, as celebrações começaram no Santuário de São Judas Tadeu. O arcebispo metropolitano de Belo Horizonte, Dom Walmor de Oliveira Azevedo, celebrou uma missa a meia-noite. O local estava cheio de fiéis que foram fazer as suas orações. Missas serão realizadas durante todo o dia. Às 10h, ela será presidida pelo Dom Geovane Luís. Já 18h, será a vez de dom Vicente Ferreira. A programação completa pode ser vista no site da arquidiocese de Belo Horizonte.

São Judas Tadeu nasceu em Caná, na Galileia, onde iniciou suas pregações, indo até a Samaria. Próximo do ano 50, fez parte no primeiro Concílio, em Jerusalém. Evangelizou na Mesopotâmia, Síria, Armênia e Pérsia, onde encontrou Simão. Passaram a viajar juntos. Por causa da pregação e testemunho muito intensos, sacerdotes pagãos da cidade de Edersa mandaram assassinar os dois apóstolos, no dia 28 de outubro de 70, a golpes de bastões, lanças e machados. Os restos mortais de São Judas, guardados primeiro no Oriente Médio e depois na França, agora estão em Roma, na Basílica de São Pedro.

Esquema especial no trânsito foi criado para atender os fiéis(foto: Paulo Filgueiras/EM/D.A.Press)
Esquema especial no trânsito foi criado para atender os fiéis (foto: Paulo Filgueiras/EM/D.A.Press)


Trânsito

Por causa das celebrações no Santuário, milhares de pessoas são esperadas. Por causa disso, um esquema especial de trânsito foi montado pela BHTrans. Foram interditadas as ruas Geraldo Faria de Souza, entre Avenida Cristiano Machado e Rua Jussara, Rua Jurema, entre Rua São Roque e Rua São Bento, Rua Macaé, entre Rua São Roque e Rua São Bento, e Rua Restinga, entre Rua Macaé e Rua Jussara.

A Rua Juruá, entre Rua São Roque e Rua São Bento, atualmente mão dupla, opera em mão única direcional neste sentido. O mesmo acontece na rua Juacema, entre São Bento e Rua São Roque, nesta direção; na São Roque, entre Rua Juacema e Rua Jussara; Rua Macaé, entre Rua São Roque e Rua Jataí; Rua Jussara, entre Rua São Roque e Rua Itaquera; e Rua São Bento, entre Rua Jussara e Rua Silveira.


receba nossa newsletter

Comece o dia com as notícias selecionadas pelo nosso editor

Cadastro realizado com sucesso!

*Para comentar, faça seu login ou assine

Publicidade