Publicidade

Estado de Minas

PM terá cia especializada no combate à violência contra mulheres

Nova unidade entrará em operação em até 30 dias


postado em 06/09/2017 15:38 / atualizado em 06/09/2017 17:19

A Polícia Militar terá em Belo Horizonte uma companhia especializada na prevenção e combate à violência doméstica contra a mulher, que começará a funcionar, em até 30 dias, no mesmo prédio que abriga o Comando de Policiamento da Capital (CPC), na Praça Rio Branco, no Centro.

O despacho que determinou a inédita unidade foi assinado na manhã desta quarta-feira pelo governador Fernando Pimentel durante o 1º Seminário Estadual de Prevenção à Violência Doméstica contra as Mulheres, promovido pela PM. Na prática, a nova companhia é uma mudança de estratégia da corporação neste tipo de crime.

Atualmente, cada batalhão em BH conta com duas viaturas especializadas neste tipo de ocorrência. São as chamadas Patrulhas de Prevenção à Violência Doméstica (PPVD). O que a PM fará é reunir todas estas equipes num único local. A medida, contudo, é de grande importância. Quem explica é o coronel Winston Coelho Costa, chefe do CPC: "Vamos conseguir alcançar uniformização no atendimento, eficiência, celeridade...". A nova unidade será comandada pela major Luciana.

Os comentários não representam a opinião do jornal e são de responsabilidade do autor. As mensagens estão sujeitas a moderação prévia antes da publicação

Publicidade