Publicidade

Estado de Minas

Quadrilha armada é presa ao tentar invadir show de Wesley Safadão em Manhuaçu

Bandidos se passavam por seguranças, mas foram inibidos e presos por policiais militares


postado em 10/08/2017 09:43 / atualizado em 10/08/2017 10:35

Ver galeria . 23 Fotos Bando foi preso com uma arma de fogo e simulacros, além de cacetetes, bombas, algemas e uma facaJaílton Pereira/ Portal Caparaó
Bando foi preso com uma arma de fogo e simulacros, além de cacetetes, bombas, algemas e uma faca (foto: Jaílton Pereira/ Portal Caparaó )

Uma quadrilha foi presa nessa madrugada durante um show do cantor Wesley Safadão no Parque de Exposições da Ponte de Aldeia em Manhuaçu, na Zona da Mata de Minas Gerais. O grupo tentou entrar no evento "Glacial Fest" se passando por seguranças da produção do show.

Segundo informações da Polícia Militar, cinco homens chegaram em uma caminhonete L2000 emplacada em Vargem, município do Espírito Santo. Os homens tentaram entrar na área de segurança previamente delimitada pela PM informando que trabalhariam como seguranças durante o show.

Ainda conforme a corporação, o bando estava vestido com calças e camisas pretas, boinas vermelhas, coletes táticos compartimentados e cintos com coldres. Durante o contato com os PMs, os militares desconfiaram da atitude de dois dos homens, que, pareciam tentar esconder objetos embaixo dos bancos. Os policiais então pediram que o grupo descesse do veículo e a caminhonete foi vistoriada. 

De acordo com a PM, foram encontrados no assoalho do banco traseiro do carro um revólver de calibre 38 carregado com seis cartuchos intactos, um simulacro de pistola 9 milímetros, um simulacro de pistola de calibre .40, um simulacro de fuzil MK177, uma faca com 18 centímetros de lâmina, um canivete, um aparelho de choque, dez cacetetes, cinco capas de coletes táticos, quatro algemas, duas toucas ninjas e seis rádio transmissores. 

Uma cópia de Certificado de Registro Federal de Arma de Fogo, vencido em janeiro de 2011, também foi apreendida. Questionados pelos militares, os homens não informaram o que pretendiam fazer na área interna do parque de exposições, onde ocorria o evento.

Os homens, com idade entre 22 e 34 anos, foram presos e encaminhados para a Polícia Civil em Manhuaçu e a caminhonete foi apreendida. Todos são naturais do Espírito Santo e não há informações sobre o histórico criminal dos envolvidos. 
 
*Sob supervisão do editor Benny Cohen

Os comentários não representam a opinião do jornal e são de responsabilidade do autor. As mensagens estão sujeitas a moderação prévia antes da publicação

Publicidade