UAI
Publicidade

Estado de Minas ABALO SÍSMICO

Tremor de terra assusta moradores de Mirabela, no Norte de Minas

O evento ainda não foi confirmado pelo Observatório Sismológico da Universidade de Brasília (UnB), fechado neste Carnaval. Mas moradores sentiram o abalo


postado em 07/02/2016 14:59 / atualizado em 07/02/2016 16:26

Moradores da comunidade de Laranjeiras, na zona rural de Mirabela, Norte de Minas, ficaram assustados com um tremor de terra, ocorrido no final da tarde desse sábado. Segundo relatos deles, houve uma forte explosão. Logo em seguida, a terra tremeu. O professor Lucas Vieira Barros, do Observatório Sismológico da Universidade de Brasília (UnB), disse que a região tem um "histórico de sismicidade", mas que, neste domingo, não há como confirmar se o evento foi registrado pelos equipamentos da unidade, que não tem funcionários trabalhando neste feriado de carnaval.

Laranjeiras fica distante cinco quilômetros da sede de Mirabela. A aposentada Romana Gonçalves Ferreira, a "dona Nena", de 75 anos, uma das moradoras de localidade rural, disse que levou um grande susto no momento do abalo sísmico. "Eu estava encostada na parede e senti a parede balançar muito". Amedontrada, ela correu para a casa da nora, a lavradora Zileide de Fátima Veloso, na mesma localidade.

"Eu estava lavando a casa, quando ouvir uma explosão forte e, logo em seguida, a terra tremeu. Fiquei sem saber o que realmente aconteceu", descreve Zileide, salientando que cães, vacas, galinhas e outros animais domésticos também ficaram muito assustados. Ela informou que, a princípio, chegou a pensar que pudesse ter ocorrido algum acidente grave na BR 135 (estrada Montes Claros/Januária), que passa perto de sua casa. "Mas, depois não ouvi noticia de nenhum acidente", completa a lavradora.

O pintor de parede José Geraldo Mendes Gomes, de 55 anos, conta que mora em Montes Claros e estava na casa em Laranjeiras, onde sentiu o chão tremer. "Eu estava tomando café. A parede balançou e parecia que iria cair. Tive medo, sim", afirma José Geraldo. Segundo ele, o tremor durou em torno de 10 segundos.


receba nossa newsletter

Comece o dia com as notícias selecionadas pelo nosso editor

Cadastro realizado com sucesso!

*Para comentar, faça seu login ou assine

Publicidade