Publicidade

Estado de Minas

Polícia Civil faz buscas na sede da Samarco, em BH

Em Belo Horizonte, policiais civis recolheram dados dos computadores na sede da empresa, na Região Centro-Sul da capital


postado em 05/02/2016 08:09 / atualizado em 05/02/2016 14:20

(foto: Paulo Filgueiras/EM/D.A Press)
(foto: Paulo Filgueiras/EM/D.A Press)
A Polícia Civil cumpre mandados de busca e apreensão na sede da Samarco, na manhã desta sexta-feira, em Belo Horizonte. Os policiais vasculham os equipamentos de informática no prédio da mineradora. Não houve apreensão de computadores, apenas recolhimento de dados armazenados nas máquinas.

A ação acontece ao mesmo tempo em Mariana, na Região Central do estado e na sede da empresa em Vitória, Espírito Santo.

A assessoria de comunicação da empresa diz que a Samarco está colaborando com as investigações sobre o rompimento da Barragem do Fundão. Em 5 de novembro, quando a represa de rejeitos se rompeu, morreram 17 pessoas e duas estão desaparecidas. O pior desastre socioambiental do país completa três meses nesta sexta.

O balanço da operação será divulgado em uma entrevista coletiva prevista para esta sexta, às 15h.

Os comentários não representam a opinião do jornal e são de responsabilidade do autor. As mensagens estão sujeitas a moderação prévia antes da publicação

Publicidade