Publicidade

Estado de Minas

Bombeiros buscam vítimas de rompimento de barragem no distrito de Camargos


postado em 30/11/2015 12:34 / atualizado em 30/11/2015 16:41

O Corpo de Bombeiros retomou nesta segunda-feira as buscas pelas vítimas do rompimento da barragem do Fundão, da Samarco, na Região Central de Minas. O pior desastre ambiental do país completou 25 dias hoje, deixando 13 mortos e 8 desaparecidos.

Segundo os bombeiros, os trabalhos começaram no domingo e estão concentrados em uma área do distrito de Camargos. As buscas não têm previsão para terminar.

Na última sexta-feira, os corpos de Ednaldo Oliveira de Assis, de 40 anos, e Daniel Altamiro de Carvalho, de 53, foram reconhecidos. Ambos trabalhavam na Integral Engenharia, empresa terceirizada da Samarco.

A Comissão de Segurança Pública da Assembleia Legislativa vai cobrar mais agilidade na identificação os corpos. Uma audiência pública marcada para esta terça-feira vai discutir o assunto.

Os comentários não representam a opinião do jornal e são de responsabilidade do autor. As mensagens estão sujeitas a moderação prévia antes da publicação

Publicidade