Publicidade

Estado de Minas

Dilma se solidariza com vítimas de tragédia em Bento Rodrigues; governo libera FGTS

A presidente usou sua conta no Twitter para comentar o rompimento das barragens na cidade de Mariana, Região Central de Minas. Vão ser disponibilizados R$ 6,2 mil para despesas imediatas


postado em 06/11/2015 19:33 / atualizado em 10/11/2015 11:36

(foto: (foto: Corpo de Bombeiros/Divulgação)))
(foto: (foto: Corpo de Bombeiros/Divulgação)))

A presidente Dilma Rousseff comentou no final da tarde desta sexta-feira a tragédia no distrito de Bento Rodrigues, em Mariana, Região Central de Minas Gerais. Pelo Twitter, Dilma afirmou que recebeu com pesar a notícia do rompimento das barragens. Ela informou que ligou para o governador Fernando Pimentel colocando à disposição da administração estadual a ajuda do governo federal. A presidente ainda afirmou que o governo federal vai liberar o saque do FGTS para os atingidos. A população terá acesso ao valor de até R$ 6,2 mil para as despesas imediatas. Para possibilitar o saque, o governo de Minas precisa reconhecer o estado de emergência local, informa a nota da Secretária de Imprensa.



“Presto minha solidariedade às vítimas e a seus familiares. É preciso apurar com rigor as causas e responsabilidades do acidente”, postou. A presidente ainda comentou as doações feitas às vitimas. “Saúdo o espírito de solidariedade do povo brasileiro, que tem enviado mantimentos e roupas aos desabrigados”, disse.

Dilma disse que as Forças Armadas, em especial o Exército, estão a postos para colaborar nos trabalhos de busca. Ela lembrou na rede social que o ministro da Integração Nacional, Gilberto Occhi, e o Secretário Nacional da Defesa Civil, Adriano Pereira Júnior, já estiveram, na manhã de hoje, na região atingida.

O acidente foi registrado por volta das 15h de quinta-feira, quando a Barragem do Fundão, carregada de rejeitos minerais, se rompeu e provocou uma onda de lama que se propagou e atingiu a Barragem de Santarém, constituída de água. A mistura de água e rejeitos atingiu toda a comunidade de Bento Rodrigues, distrito de Mariana, na Região Central de Minas. Todo o município foi esvaziado.

Até o momento, uma morte foi confirmada. Treze operários que trabalhavam no local no momento do acidente seguem desaparecidos. As causas da tragédia estão sendo apuradas em um inquérito civil aberto pelo Ministério Público.



Com informações de Alessandra Alves

Os comentários não representam a opinião do jornal e são de responsabilidade do autor. As mensagens estão sujeitas a moderação prévia antes da publicação

Publicidade