Publicidade

Estado de Minas

Após calor recorde, chuva pode chegar a Minas e BH nos próximos dias

Termômetros registraram temperatura máxima de 33,4°C na capital. Marca só foi menor que os 33,5°C registrados em janeiro


postado em 30/09/2014 06:00 / atualizado em 30/09/2014 07:36

Encalorada, Ana Sofia tentava se refrescar na fonte da Savassi(foto: Cristina Horta/EM/D.a Press)
Encalorada, Ana Sofia tentava se refrescar na fonte da Savassi (foto: Cristina Horta/EM/D.a Press)

Depois do calor dessa segunda-feira, em que os termômetros registraram a segunda temperatura mais alta do ano em Minas Gerais e Belo Horizonte, a previsão é de que hoje e amanhã ocorram pancadas de chuva isoladas, principalmente no Triângulo Mineiro, Alto Paranaíba, Zona da Mata e Sul do estado. A informação é do meteorologista Ruibran dos Reis, do Instituto ClimaTempo. De acordo com ele, também deve chover no fim da tarde na Região Metropolitana de BH, Oeste mineiro e no Alto do São Francisco.

Ontem, em São Romão, Norte de Minas, a máxima foi de 38,8°C, ficando abaixo apenas dos 39° C do dia 17 de setembro, na mesma cidade. No verão, a máxima foi de 38,3°C, em março, em Itaobim, no Vale do Jequitinhonha. Na capital, a máxima ontem foi de 33,4°C, abaixo apenas dos 33,5°C registrados em janeiro. A previsão é de que outubro tenha uma das primaveras mais quentes dos últimos 100 anos, superando a máxima de 37,1°C que o mês registrou em 2012.

Calor que fez sofrer quem estava pelas ruas da capital, como Ana Sofia, de 2 anos. “Água, água”, comemorava a pequena, que parecia estar vendo uma miragem diante da fonte da Praça da Savassi. A garotinha estava quase pulando do colo do avô, o auditor fiscal aposentado Cleto de Guadalupe, de 65 anos. Ele permitiu que ela molhasse as mãos para se refrescar. Nesse momento, apareceu um fiscal de posturas da Prefeitura de Belo Horizonte para chamar a atenção da dupla, explicando que a água da fonte era usada eventualmente por andarilhos para tomar banho.

Compartilhe no Facebook
*Apenas para assinantes do Estado de Minas

Publicidade