Publicidade

Estado de Minas

Bebê que foi picado por escorpião morre em hospital de BH

Com ele, chega a 15 o número de pessoas mortas após serem picadas pelo animal


postado em 18/08/2011 19:14 / atualizado em 18/08/2011 19:22

Mais uma pessoa morreu em Minas Gerais após ser picada por escorpião. Desta vez, a vítima foi um bebê de 10 meses que estava internado no Hospital João XXIII, desde 4 de agosto. Com ele, já chega a 15 o número de mortos no Estado somente este ano.

Segundo a assessoria de imprensa do hospital, a criança já chegou na unidade em estado grave. Não foi informado como a criança foi picada e nem em qual cidade aconteceu o fato.

Segundo informações da Secretaria de Estado de Saúde, em 2010, 25 pessoas morreram e 11.324 foram picadas. Os dados são preocupantes. De acordo com o Ministério da Saúde, Minas é o estado com o maior número de acidentes com animais peçonhentos no Brasil. Em 2010, foram registrados mais de 19,8 mil casos. Ainda segundo ministério, a maior parte dos casos são registrados durante o verão, principalmente entre os meses de novembro e fevereiro.

Como evitar acidentes
· Usar telas ou manter fechados os ralos de pias, tanques e banheiros
· Proteger as soleiras das portas com borrachas ou sacos de areia
· Eliminar as frestas nas paredes, muros, pisos, tetos, janelas e portas
· Quintais com material de construção devem ser sempre vistoriados pelo morador
· Agitar sapatos, roupas e panos úmidos antes de usá-los
· Eliminar baratas, alimento preferido do escorpião
· Manter limpas e vedadas as caixas de gordura, esgoto, de redes elétrica e telefônica
· Não acumular lixo e entulho
· Conservar camas e berços afastados, no mínimo, dez centímetros da parede
· Evitar que lençóis toquem o chão

FONTE: Secretaria Municipal de Saúde (SMSA)


Publicidade