Publicidade

Estado de Minas

Adolescente suspeito de matar travesti é detido e liberado em Ribeirão das Neves


postado em 14/03/2011 19:37

O adolescente de 17 anos suspeito de matar um travesti na Avenida Afonso Pena, esquina com a Rua Cláudio Manoel, no Bairro Funcionários, na Região Centro-Sul de Belo Horizonte, foi solto nesse fim de semana. O jovem foi detido, com outros dois adolescentes, por porte ilegal de arma, em Ribeirão das Neves, na Região Metropolitana de BH, e depois foi liberado.

Em nota a Polícia Civil informou que não existia nenhum mandado de apreensão para o suspeito e por isso foi liberado.

Durante as investigações o delegado Fausto Eustáquio Ferraz da Delegacia de Homicídios Centro, chegou a dizer que menor deu o tiro de misericórdia em Gustavo Brandão Aguilar, de 22 anos. Câmeras de segurança de um prédio filmaram a ação dos bandidos que matam a sangue frio o travesti no dia 2 de março deste ano. As imagens mostram um rapaz de camisa branca atirando em Gustavo.

A vítima cai e logo em seguida é atingida por mais disparos, dessa vez um suspeito de camisa preta atira. Eles fogem num carro preto, que segundo testemunhas, é um Fiat Stilo. Os criminosos foram identificados pelas com a ajuda das câmeras. Um dos suspeitos de matar o travesti, Fernando Túlio Miranda Lages, de 24 anos, vulgo Pimpolho, já cometeu outros sete homicídios.

Confira as imagens do crime


Publicidade