Conteúdo para Assinantes

Continue lendo ilimitado o conteúdo para assinantes do Estado de Minas Digital no seu computador e smartphone.

price

Estado de Minas Digital

de R$ 9,90 por apenas

R$ 1,90

nos 2 primeiros meses

Utilizamos tecnologia e segurança do Google para fazer a assinatura.

Assine agora o Estado de Minas digital por R$ 9,90/mês. Experimente 15 dias grátis >>

Estado de Minas

Publicidade perde o talento de Mário Ribeiro


postado em 06/01/2019 05:06

Apaixonado também pela música, Mário Ribeiro lançou CD autoral em 2014(foto: Ramon Lisboa/EM/D.A Press - 13/1/14)
Apaixonado também pela música, Mário Ribeiro lançou CD autoral em 2014 (foto: Ramon Lisboa/EM/D.A Press - 13/1/14)

 

 

O segmento publicitário inicia o ano com uma perda irreparável. O publicitário, jornalista e cronista do Estado de Minas, Mário Ribeiro, faleceu na última quarta-feira, vítima de ataque cardíaco. Mário Ribeiro foi um dos publicitários mais atuantes de Belo Horizonte, passando pelas principais agências da cidade. Como sua sensibilidade apurada, publicava semanalmente sua crônica "O real e o fantástico", às quintas-feiras, na página 2 do Estado de Minas.


Com muitas habilidades, em 2014, mostrou seu talento musical ao lançar seu CD autoral Passarinho ao Vento, que contou parceria com seu pai, Joãozito, e outra com o irmão, o psicanalista Milton Ribeiro. Além de cronista, Mário Ribeiro publicou vários livros. E também era conselheiro do Atlético, e participou como comentarista esportivo de vários programas de TV, sempre falando do seu Galo.


O jornalista deixa esposa, Gracinda Gonçalves Ribeiro, e os filhos Ana Gabriela, Gustavo e Mariana; além de quatro netos: Mário Henrique, Pedro Ivan, Ana Laura e Stela.


Publicidade