Publicidade

Estado de Minas

Estudante de 32 anos morre em local de prova do Enem em Olinda

Edvânia Florinda de Assis correu para ter acesso aos portões


postado em 08/11/2014 16:52 / atualizado em 08/11/2014 19:05

Os atrasos comuns nas provas do Exame Nacional do Ensino Médio (Enem) terminaram em tragédia, na manhã deste sábado em Olinda. A estudante Edvânia Florinda de Assis, 32 anos, chegou atrasada ao Colégio Santa Emília, no Bairro de Jardim Atlântico, onde iria fazer os exames.


Apesar de ter conseguido entrar, ela começou a passar mal, depois de correr para acessar os portões, desmaiando na frente da unidade. Segundo o 1º Batalhão de Polícia Militar (BPM), testemunhas ainda tentaram socorrê-la, mas ela faleceu no local, vítima de um possível Acidente Vascular Cerebral (AVC). De acordo com informações do Instituto de Medicina Legal (IML), o corpo de Edvânia chegou por volta das 15h ao necrotério, em Santo Amaro.

Os comentários não representam a opinião do jornal e são de responsabilidade do autor. As mensagens estão sujeitas a moderação prévia antes da publicação

Publicidade