Publicidade

Estado de Minas EMPREGO

Concurso tem 100 vagas para brigadistas, chefes de brigada e esquadrão

As chances são de nível médio e para alfabetizados. A seleção se dará por meio de análise curricular e teste de aptidão física


postado em 02/08/2019 11:33 / atualizado em 02/08/2019 11:33

Brigadista combatendo um incêndio(foto: Marcelo Ferreira/CB/D.A Press )
Brigadista combatendo um incêndio (foto: Marcelo Ferreira/CB/D.A Press )


O Instituto do Meio Ambiente e dos Recursos Hídricos do Distrito Federal (Brasília Ambiental (Ibram) abriu novo edital de processo seletivo simplificado para contratação de chefe de brigada, chefe de esquadrão e brigadista florestal combatente. 

A seleção se dará por meio de análise curricular e teste de aptidão física (TAF e teste de habilidade no uso de ferramentas agrícolas). 

Quem quiser concorrer para chefe de brigada deverá ter nível médio e certificado de participação em curso de formação de brigada de combate a incêndio florestal, com, no mínimo, 40 horas. Além de CNH de categoria B e experiência comprovada na área de combate a incêndios em instituições do governo. A remuneração é de R$ 3.193,60, há ainda seguro acidente. São quatro vagas, com jornada de trabalho de 12h x 36h. 

Já para o posto de chefe de esquadrão, é necessário ser alfabetizado, ter certificado de participação em curso de formação de brigada de combate a incêndio florestal, com, no mínimo, 40 horas. Também é preciso ter CNH de categoria B e experiência comprovada na área de combate a incêndios em instituições do governo. A remuneração é de R$ 2.495,00, há ainda seguro acidente. São 16 vagas, com jornada de trabalho de 12h x 36h. 

E para brigadista de combate a incêndios florestais, também é requisitado ser alfabetizado e ter certificado de participação em curso de formação de brigada de combate a incêndio florestal, com, no mínimo, 40 horas. Neste caso, o salário é de R$ 1.996, além de seguro acidente. São 80 vagas, com jornada de trabalho de 12h x 36h. 

Os candidatos poderão concorrer a um, dois ou até três cargos disponíveis, desde que tenham os requisitos para assumir a respectiva vaga. 

As chances são temporárias e a vigência do contrato durará até o dia 30 de novembro de 2019, sendo determinado o início no momento da sua assinatura. Observada a necessidade de contratação, o IBRAM procederá, dentro do prazo de validade do processo seletivo simplificado, à convocação do cadastro reserva respeitada a ordem de classificação dos candidatos. 

Inscrições
 

Inscrições 

O candidato deverá comparecer na sede do Brasília Ambiental (SEPN 511, Bloco C - Edifício Bittar) com as documentações exigidas (originais e cópias), nos dias 2, 5, 6, 7, 8 e 9 de agosto, das 9h às 16h. 

Documentação


– Atestado médico de saúde original com o nome e o CPF ou número do RG do candidato, com data a partir da publicação do edital, devendo conter a data da emissão, nome do médico, bem como o número do Conselho Regional de Medicina (CRM) do médico que emitiu o documento;


– Carteira de identidade;

– Cadastro de pessoas físicas (CPF) em qualquer documento oficial que possua essa informação;

– Documento que comprove a regularidade da situação militar do candidato;

– Certidão de casamento ou união estável, caso se enquadre nesta situação;

– Número de inscrição no PIS/PASEP com data de vinculação;

– Declaração do endereço residencial, conforme modelo disponível no site do IBRAM ou comprovante de conta água ou luz ou telefone no nome do candidato;

– Exame de sangue com dados pessoais do candidato ou Declaração do Tipo Sanguíneo e Fator RH, conforme modelo disponível no site do IBRAM;

– Carteira nacional de habilitação para os candidatos às vagas de Chefe de Brigada e Chefe de Esquadrão e aqueles que desejem pontuar com este item;

– Curso (s) de capacitação - brigadista de combate a incêndios florestais;

– Cursos de qualificação (facultativo);

– Declarações de experiências profissionais (facultativo);

– Certidão de antecedentes criminais - Polícia Federal;

– Certidão negativa de distribuição (Ações criminais )- TJDFT;

– Certidão negativa de distribuição (Ações criminais) - Estado de residência do candidato, caso more fora do DF;

– Certidão de quitação eleitoral;

– Certidão (negativa) de Crimes Eleitorais

O edital completo foi publicado no Diário Oficial do DF desta sexta-feira (2/8), a partir da página 37. 

Os comentários não representam a opinião do jornal e são de responsabilidade do autor. As mensagens estão sujeitas a moderação prévia antes da publicação

Publicidade