Publicidade

Estado de Minas

Ministro publica regulamento para concurso de diplomata com número de vagas

Houve adequação ao novo decreto para concursos federais e o tempo entre a publicação do edital e a aplicação das provas foi reduzido


postado em 19/06/2019 11:11 / atualizado em 24/06/2019 05:32

(foto: AFP / STRINGER )
(foto: AFP / STRINGER )
Após o presidente Jair Bolsonaro confirmar, em maio deste ano, que os concursos para diplomata estão mantidos, o ministro das Relações Exteriores, Ernesto Araújo, divulgou o regulamento para o concursos de admissão à carreira no Diário Oficial da União (DOU) desta quarta-feira (19/6). 

De acordo com a portaria, serão oferecidas 20 oportunidades na classe de terceiro-secretário da carreira de diplomata. 

A primeira fase do concurso consistirá de prova objetiva, de caráter eliminatório, constituída de questões de: 

  • língua portuguesa; 
  • língua inglesa; 
  • história do Brasil; 
  • história mundial; 
  • política internacional; 
  • geografia; 
  • economia e direito e 
  • direito internacional público. 

Já a segunda fase do concurso consistirá de provas escritas, de caráter eliminatório e classificatório, constituída de questões de: 

  • língua portuguesa; 
  • língua inglesa; 
  • história do Brasil; 
  • geografia; 
  • política internacional; 
  • economia; 
  • direito e direito internacional público; 
  • língua espanhola e língua francesa.

Serão estabelecidas notas mínimas para aprovação nas provas escritas de língua portuguesa e de língua inglesa. Será estabelecida nota mínima para aprovação no conjunto das provas escritas de história do Brasil; geografia; política internacional; economia; direito e direito internacional público; língua espanhola e língua francesa.

O prazo de realização da primeira prova, com relação à data de publicação do edital do concurso, será reduzido para dois meses, tendo como base o novo decreto sobre concursos públicos do governo federal. Segundo a portaria, a redução do prazo se deve à necessidade de que a data de conclusão do concurso seja compatível com o planejamento de atividades do Instituto Rio Branco em 2020. 

Por fim, a portaria determina que o provimento dos cargos previstos nesta portaria fica condicionado à autorização, em anexo próprio da lei orçamentária anual e à observação das restrições impostas pela lei de diretrizes orçamentárias. 

Último concurso 

último concurso para diplomata teve o edital de abertura divulgado pelo Cebraspe e ofereceu 26 vagas, que foram disputadas por 5.294 candidatos inscritos, ou seja, uma concorrência média de 203 pessoas por chance. A remuneração inicial foi de R$ 18.059,83. Puderam concorrer brasileiros natos, com graduação em qualquer área de ensino. 

Veja a publicação no DOU. 

 


Publicidade