Publicidade

Estado de Minas

Transerp anuncia concurso com 30 vagas para todos os níveis de ensino

As inscrições já estão abertas


postado em 28/01/2019 12:29 / atualizado em 31/01/2019 06:33

(foto: Divulgação/Prefeitura de Palmas)
(foto: Divulgação/Prefeitura de Palmas)
A Empresa de Trânsito e Transporte Urbano de Ribeirão Preto S/A (Transerp) está com as inscrições abertas do concurso que oferta vagas para cargos de ensino fundamental, ensino médio e ensino superior. A Fundação Vunesp é a banca contratada para realização do concurso.

Os aprovados exercerão jornada de trabalho de 30 a 44 horas semanais e receberão remunerações que variam entre R$ 1.982,17 e R$ 6.048,02, além do acréscimo de R$ 1.060 de vale alimentação.

 

São ofertadas 30 vagas e os candidatos podem optar entre os cargos de agente administrativo, agente civil de trânsito, agente de fiscalização de transporte, agente operacional – pintor e eletricista, assistente social, contador e técnico em segurança do trabalho.

Estarão reservadas 20% das vagas para candidatos com deficiência. Para os candidatos negros também serão reservadas 20% do total de vagas.

 

As inscrições já estão abertas e podem ser realizadas pelo site da organizadora, até 15 de fevereiro. Para nível fundamental a taxa de inscrição custa R$ 44,50 e para nível médio, R$ 56,50. Já para os cargos de nível superior o valor da taxa é de R$ 95. Estarão isentos candidatos inscritos no CadÚnico.

A seleção para o cargo de agente civil de trânsito será realizada por prova objetiva, prova de aptidão física e avaliação psicológica. Para os demais cargos a seleção será realizada por fase única, constituída apenas por prova objetiva.

O concurso público terá validade de dois anos, contados a partir da data de publicação da homologação, podendo ser prorrogado uma única vez, por igual período.

 

Requisitos

Agente administrativo: nível médio completo, conhecimento básico em informática e Carteira Nacional de Habilitação de categoria “B”

Agente civil de trânsito: nível médio completo e Carteira Nacional de Habilitação de categoria “A e B”

Agente de fiscalização de transporte: nível médio completo, conhecimento básico em informática e Carteira Nacional de Habilitação de categoria “A e B”

Agente operacional – eletricista e pintor: nível fundamental completo e Carteira Nacional de Habilitação de categoria “C”

Assistente social: curso superior completo em serviço social, conhecimento básico em informática e Carteira Nacional de Habilitação de categoria “B”

Contador: curso superior completo em ciências contábeis, conhecimento básico em informática e Carteira Nacional de Habilitação de categoria “B”

Técnico em segurança do trabalho: curso técnico em segurança do trabalho, conhecimento básico em informática e Carteira Nacional de Habilitação de categoria “B”

 

 

* Estagiária sob supervisão de Lorena Pacheco 

Os comentários não representam a opinião do jornal e são de responsabilidade do autor. As mensagens estão sujeitas a moderação prévia antes da publicação

Publicidade