Conteúdo para Assinantes

Continue lendo ilimitado o conteúdo para assinantes do Estado de Minas Digital no seu computador e smartphone.

price

Estado de Minas Digital

de R$ 9,90 por apenas

R$ 1,90

nos 2 primeiros meses

Utilizamos tecnologia e segurança do Google para fazer a assinatura.

Assine agora o Estado de Minas digital por R$ 9,90/mês. Experimente 15 dias grátis >>

Estado de Minas

Campeões mundiais em hospitalidade


postado em 30/12/2018 05:03

Aconteceu e foi lindo! Capital do estado que é o berço das lavouras de café, de onde sai uma de cada cinco xícaras da bebida vendidas no mundo, Belo Horizonte acaba de sediar, pela primeira vez na história do Brasil, um Campeonato Mundial de Barismo, que consagrou a nata dos fazedores de café em diversas categorias de preparo. Mas o sabor que ficou foi o de vitória para nós mineiros, Belo Horizontinos e brasileiros de todas as regiões do país que contribuíram para a realização deste magnífico eventosim!, demos um show de acolhimento, amabilidade, cordialidade, delicadeza e organização, recebendo visitantes e competidores de todas as partes do globo. O que se ouviu durante a Semana Internacional do Café e que vai reverberar por longos anos, foi que todos foram muito bem recepcionados, tratados com atenção, gentileza e suporte necessário, além de terem desfrutado de muitos eventos, dentro e fora do Expominas, com grandes encontros de personalidades do universo do café, divertidas competições alheias à oficial, negócios, interação, troca de experiências e acima de tudo, conexão!


BH teve seus hotéis superlotados e a cidade tomada por pessoas das mais diversas nacionalidades, mas que falaram,, nestes últimos dias, uma só língua: a que traduz toda a paixão pelo grão sagrado.


Tivemos, ainda, a participação pioneira de uma empresa brasileira no apoio técnico a um mundial de barismo, integrando o time oficial. Midias nacionais e internacionais levaram, em tempo real, a movimentação desta grande celebração para todos que não puderam estar presentes.


Não é exagero dizer que fomos a capital mundial da cafeína, com todos os olhares desta enorme cadeia recaindo sobre nós. Da doçura encontrada na bebida àquela incrustada no nosso jeitinho brasileiro de aconchegar, resta a certeza de que nascemos para ser especiais quando o assunto é café.


Publicidade