UAI
Publicidade

Estado de Minas STREAMING

Netflix estreará série sobre agruras de empregada doméstica nos EUA

'Maid' mostra jovem tentando garantir sua sobrevivência e sofrendo humilhações. Produção será disponibilizada no dia 1º de outubro


24/09/2021 04:00 - atualizado 24/09/2021 07:20

Alex (Margaret Qualley) e sua filha Maddy (Rylea Nevaeh Whittet) na série ''Maid'', sobre empregada doméstica que tenta garantir sua sobrevivência. Estreia será no próximo dia 1º, na Netflix
Alex (Margaret Qualley) e sua filha Maddy (Rylea Nevaeh Whittet) na série ''Maid'', sobre empregada doméstica que tenta garantir sua sobrevivência. Estreia será no próximo dia 1º, na Netflix (foto: RICARDO HUBBS/NETFLIX)

Baseada no best-seller americano “Superação: Trabalho duro, salário baixo e o dever de uma mãe solo”, escrito por Stephanie Land, a série “ Maid ” já tem data de estreia agendada na Netflix . O lançamento será em 1º de outubro.

A história, que tem 10 episódios, gira em torno de Alex, interpretada por Margaret Qualley , que se tornou conhecida ao dar vida à adolescente Jill de “The leftovers” (2014-2017). No enredo, ela se livra de um relacionamento abusivo e sai de casa com a filha pequena, Maddy (Rylea Nevaeh Whittet).

Sem economias para alugar algo razoável, a jovem acaba se mudando para um abrigo de sem-teto e começa a trabalhar como empregada doméstica , a fim de juntar dinheiro e, assim, conseguir viver em um apartamento.

Além da falta de recursos, Alex enfrenta a burocracia americana, que se torna um empecilho no caminho para realizar o sonho de se tornar locatária de seu próprio canto – um cenário com o qual muitos brasileiros podem se identificar.  

Para conquistar uma vida melhor para ela e a filha, Alex se emprega em casas abastadas e, além de lidar com a indiferença e, por vezes, a humilhação diária dos que tudo têm, nem mesmo conta com a ajuda da mãe, a excêntrica artista plástica Paula, papel de Andie MacDowell, também mãe de Margaret na vida real e eterna musa do longa “Feitiço do tempo” (1993).

Stephanie Land também é coprodutora executiva de “Maid” e elogiou a adaptação de suas memórias para a TV. "Escrevi um livro para que as pessoas que lutam para sobreviver pudessem se ver representadas de forma autêntica e se sentir menos sozinhas. A série da Netflix inspirada no meu livro perdura esse legado de uma forma que absolutamente me surpreendeu", afirmou a escritora. (Agência Estado)



“MAID”
• Série em 10 episódios que estreia em 1º de outubro na Netflix



receba nossa newsletter

Comece o dia com as notícias selecionadas pelo nosso editor

Cadastro realizado com sucesso!

*Para comentar, faça seu login ou assine

Publicidade