Continue lendo os seus conteúdos favoritos.

Assine o Estado de Minas.

price

Estado de Minas

de R$ 9,90 por apenas

R$ 1,90

nos 2 primeiros meses

Utilizamos tecnologia e segurança do Google para fazer a assinatura.

Assine agora o Estado de Minas por R$ 9,90/mês. Experimente 15 dias grátis >>

Publicidade

Estado de Minas

Carlinhos Brown e Sinfônica de Minas Gerais se reúnem em BH

Ritmos afro-brasileiros se encontram com a sonoridade da música clássica em shows marcados para sábado (8) e domingo (9), no Palácio das Artes


postado em 09/11/2019 04:00

Carlinhos Brown afirma que show será sinfônico e também popular (foto: Ananda Drumond/divulgação )
Carlinhos Brown afirma que show será sinfônico e também popular (foto: Ananda Drumond/divulgação )

Os ritmos afro-brasileiros e o som peculiar da orquestra vão se unir em dois shows que serão realizados neste fim de semana, em BH. O projeto Sinfônica Pop, promovido pela Fundação Clóvis Salgado (FCS), reunirá o cantor, compositor e instrumentista baiano Carlinhos Brown, a Orquestra Sinfônica de Minas Gerais e o maestro Rodrigo Toffolo.

Brown classifica o encontro como uma aula de educação musical. De acordo com ele, a orquestra valoriza nuances melódicas que, muitas vezes, passam ao largo do universo pop. “Tudo está sendo organizado para soar sinfônico, mas também soar popular. O que o Sinfônica Pop está buscando faz parte de um movimento brasileiro de levar até as pessoas a sonoridade orgânica e coletiva das orquestras”, comenta.

Considerado um dos percussionistas mais importantes do Brasil, Brown afirma que a música orquestrada está aberta a reinterpretações, atualizando-se e também desfrutando da oportunidade de se tornar clássica ao perdurar no inconsciente coletivo.

“Estar frente a frente com a Sinfônica me dá uma segurança enorme. Isso também pelo fato de estar em Minas, um dos lugares mais musicais do mundo, onde tenho grandes amigos. No palco, são vários músicos em torno das canções para que elas aconteçam da melhor forma possível”, afirma.

O baiano selecionou algumas de suas composições e as enviou à OSMG, que montou o repertório com 18 delas. “O fato de ter feito trabalhos com outras orquestras faz com que fique seguro. Coloco-me num estado de felicidade plena, pois sei que minha música estará segura. Também estou feliz com a escolha das canções”, diz.

''Brown é um grande músico e muita gente vai se surpreender, pois apresentaremos um repertório diferente, com músicas dele e de seus parceiros''

Rodrigo Toffolo, maestro



DESCOBERTA 

Pela primeira vez à frente da Orquestra Sinfônica de Minas Gerais, o maestro Rodrigo Toffolo elogia o projeto. “As instituições devem permanecer atentas a novos públicos, que acabam voltando aos espaços que conheceram pela ótica do pop para descobrir novas musicalidades”, comenta. De acordo com ele, “o projeto se faz essencial na desmistificação da música sinfônica como algo inacessível.”

“Brown é um grande músico e muita gente vai se surpreender, pois apresentaremos um repertório diferente, com músicas dele e de seus parceiros”, garante Toffolo, regente da Orquestra Ouro Preto. O setlist terá composições do baiano gravadas por Cássia Eller, Os Tribalistas e Marisa Monte, por exemplo.

“O show mostra o ecletismo de Brown. Não só cantando e o percussionista que ele é, mas também seu lado como compositor”, ressalta Toffolo.

Eliane Parreiras, presidente da FCS, ressalta a importância de a OSMG se conectar com diversos públicos. “Fizemos o projeto com Milton Nascimento, que nunca havia se apresentado com a Sinfônica, e foi um sucesso imenso. Além disso, estamos formando repertório com artistas de diversas gerações, pessoas importantes, com o objetivo de valorizar a nossa música popular”, conclui.

SINFÔNICA POP

Com Carlinhos Brown e Orquestra Sinfônica de Minas Gerais. Sábado (9), às 20h30, e domingo (10), às 19h. Grande Teatro do Palácio das Artes – Avenida Afonso Pena, 1.537, Centro, (31) 3236-7400. Ingressos: R$ 35 (inteira) e R$ 17,50 (meia-entrada).




Publicidade