Conteúdo para Assinantes

Continue lendo ilimitado o conteúdo para assinantes do Estado de Minas Digital no seu computador e smartphone.

price

Estado de Minas Digital

de R$ 9,90 por apenas

R$ 1,90

nos 2 primeiros meses

Utilizamos tecnologia e segurança do Google para fazer a assinatura.

Assine agora o Estado de Minas digital por R$ 9,90/mês. Experimente 15 dias grátis >>

Estado de Minas

Prazo de inscrição no Festival Nacional da Canção acaba nesta 2ª feira

Fenac reservou vagas na etapa classificatória para apresentações on-line. Finalíssima do evento, que vai distribuir R$ 230 mil em prêmios, será realizada em 7 de setembro, em Boa Esperança


postado em 03/06/2019 04:14

O cantor e compositor Dani Black estreou no palco do Fenac (foto: Paulo Bueno/divulgação)
O cantor e compositor Dani Black estreou no palco do Fenac (foto: Paulo Bueno/divulgação)




Vitrine importante para músicos que batalham para dar visibilidade a seu trabalho, o Festival Nacional da Canção (Fenac) chega à 49ª edição, que será realizada de 26 de julho a 6 de setembro, no Sul de Minas. As inscrições se encerram no último minuto desta segunda-feira (3). Serão distribuídos R$ 230 mil em prêmios.

Considerado um dos eventos culturais mais importantes do interior do Brasil, o Fenac costuma atrair artistas de vários estados e também do exterior. Pela primeira vez, o evento aceitará apresentações on-line nas etapas classificatórias – 10% das 120 vagas serão destinadas a essa modalidade.

Débora Watts, que mora nos Estados Unidos, já se inscreveu. Cantora profissional desde 2001, ela ressalta a importância de projetos como o Fenac. “Principalmente para artistas como eu, que se lançam no mercado de forma independente. Depois de criada, a música é igual a uma criança: quer crescer, aparecer e brilhar para o mundo. Adotei a prática de sempre pesquisar a internet para ver para onde enviar meus filhos”, brinca.

“O nosso objetivo é fomentar a música em português produzida em todos os continentes”, afirma Cristina Marques, coordenadora do festival.

O Fenac ajudou a projetar artistas que hoje são reconhecidos no cenário nacional. É o caso do cantor e compositor Dani Black, de 31 anos, filho de Tetê Espíndola. Ele se apresentou no festival ainda garoto e participou de várias edições do evento.

Cria do Clube da Esquina, Rodrigo Borges – filho de Marilton e sobrinho de Lô Borges – participou do Fenac em 2014. “Festivais assim arrastam multidões pelo interior do Brasil”, comentou ele. Naquele ano, canções de Lenine, Telo Borges (o tio de Rodrigo que ganhou o Grammy Latino 2003 com a música Tristesse) e Paulinho Pedra Azul disputaram o Troféu Lamartine Babo.

MULHERES Ano passado, a cantora Thaylis Carneiro, de 31 anos, mineira de Leopoldina, venceu o festival com Carmim, composta por ela. Com 2,5 mil inscritos de 23 estados, o Fenac 2018 contou com significativa presença feminina. “Estamos dominando tudo. O bacana é que muitas de nós, como é o meu caso, interpretaram canções próprias, provando a força da mulher como compositora”, observou Thaylis, que estudou canto na Bituca – Universidade de Música Popular, em Barbacena.

Carmim, aliás, é mineira da gema. A música foi inspirada no curta-metragem homônimo rodado em Cataguases, onde Thaylis morava, produzido por um projeto social daquela cidade da Zona da Mata.

Este ano, o evento será realizado em sete municípios, que receberão as etapas classificatórias. A festa começará em Perdões, em 26 de julho, seguindo para São Tomé das Letras, Coqueiral, Três Pontas, Barroso, Nepomuceno e Boa Esperança, também sede da finalíssima, marcada para 7 de setembro.

“O Fenac nasceu em 1971, no auge dos festivais no Brasil, e desde então é realizado ininterruptamente, levando boa música e muita diversão para as cidades mineiras. Este ano não será diferente, grandes talentos são esperados por nós”, afirma Cristina Marques.

A coordenadora do festival reforça a importância da classificação por meio de apresentações on-line: “As músicas inscritas nessa categoria vão concorrer com os mesmos direitos e condições das presenciais. Com essa novidade, artistas de todo o mundo podem disputar.”

Mais informações sobre o Fenac podem ser obtidas no site www.festivalnacionaldacancao.com.br, onde o regulamento está disponível.

49º FENAC
Inscrições até as 23h59 desta segunda-feira (3)

 

PROGRAMAÇÃO

. Perdões
6 de julho

. São Tomé das Letras
2 e 3 de agosto

. Coqueiral
9 e 10 de agosto

. Três Pontas
16 e 17 de agosto

. Barroso
23 e 24 de agosto

. Nepomuceno
30 e 31 de agosto

. Boa Esperança
5 a 7 de setembro


Publicidade