Continue lendo os seus conteúdos favoritos.

Assine o Estado de Minas.

price

Estado de Minas

de R$ 9,90 por apenas

R$ 1,90

nos 2 primeiros meses

Utilizamos tecnologia e segurança do Google para fazer a assinatura.

Assine agora o Estado de Minas por R$ 9,90/mês. Experimente 15 dias grátis >>

Estado de Minas

Helvécio Carlos


postado em 27/04/2019 05:14



NO SESC PALLADIUM

CONVIDADOS ESPECIAIS

A Orquestra Ouro Preto receberá três convidados especiais em duas apresentações em maio, em concertos no Sesc. A soprano Marília Vargas e o cravista gaúcho Fernando Cordella estão na programação do dia 5. Já no dia 19, é a vez de a orquestra receber a cantora espanhola Uxia. Os concertos serão regidos pelo maestro Rodrigo Toffolo.

NA PRAÇA
NOVA TEMPORADA DO TAMBOR

Maurício Tizumba e os blocos Tambor Mineiro e Bloco Saúde abrem a temporada do projeto Tambor na Praça, em 19 de maio, na Praça Floriano Peixoto. Como convidado especial, o tecladista da banda Pato Fu, Richard Neves. O evento, patrocinado pelo Instituto Unimed-BH, recebeu no ano passado 35 atrações musicais diferentes para um público de cerca de 24 mil pessoas, somando as apresentações feitas em Belo Horizonte, Contagem e Betim.

NA TELONA
BLOCKBUSTER SENDO BLOCKBUSTER

Para muitos, encarar uma sessão de cinema poucos minutos depois da meia-noite pode ser loucura. Ainda mais quando o longa tem quase três horas de duração. Para outros, é pura ansiedade se o motivo pra sair de casa são os heróis da Marvel, estrelas do filme Vingadores: ultimato. O sucesso foi tão grande que, nas 18 salas da Rede Cineart em que o filme foi exibido em pré-estreia na madrugada de quinta-feira, não sobrou um ingresso para os retardatários. Não para por aí. Há poucos ingressos, hoje e amanhã, para as 48 salas da Cineart em que o longa será exibido.

NO PA
ENCONTRO DE MESTRES

A banda que acompanhará Guilherme Arantes, sexta-feira, no Palácio das Artes, merece atenção especial dos fãs do músico. O guitarrista Luiz Carlini foi um dos fundadores do Tutti Frutti, grupo que teve Rita Lee como vocalista nos anos 1970. Ele também é instrumentista presente em uma centena de discos que fizeram história no roque brasileiro. O baixista argentino Willy Verdaguer tocou nos dois álbuns do grupo Secos e Molhados, também nos anos 1970. Foi um dos integrantes do grupo paulista Beat Boys, na década de 1960. Na guitarra, Alexandre Blanc é velho conhecido de Guilherme Arantes, com quem toca há mais de 20 anos. Na bateria, o músico Gabriel Martini. O show marca os 43 anos de carreira do músico com repertório incluindo clássicos como Planeta água, Deixa chover e Amanhã.


Na Casa Falke...




Publicidade