Continue lendo os seus conteúdos favoritos.

Assine o Estado de Minas.

price

Estado de Minas

de R$ 9,90 por apenas

R$ 1,90

nos 2 primeiros meses

Utilizamos tecnologia e segurança do Google para fazer a assinatura.

Assine agora o Estado de Minas por R$ 9,90/mês. Experimente 15 dias grátis >>

Estado de Minas

HIT: Atriz Joselma Luchini comemora 25 anos de Jojô e Palito


postado em 24/01/2019 05:02







BODAS DE PRATA
FESTA NO TEATRO INFANTIL

A atriz Joselma Luchini está entre as atrizes e diretoras com mais espetáculos em cartaz na Campanha de Popularização Teatro & Dança. Com a série Jojô e Palito, ela emplaca quatro produções – O piquenique, Dona Baratinha quer se casar, As cigarras e as formigas e O mágico de Oz –, apresentadss nos teatros da Assembleia, Palácio das Artes e no Espaço Cultural Luchini. Com a temporada, Joselma comemora 25 anos da estreia de Jojô e Palito, personagens que, segundo a autora, “são a sequência do quadro ‘A gorda e o magro’ do programa Clubinho da Tia Dulce, exibido na TV Itacolomi”.

• • •

O sucesso de Joselma no teatro veio depois de um fracasso. No início dos anos 1990, ela produziu Educar é..., produção que nunca encheu os teatros. Com Jojô e Palito, a atriz e diretora não tem do que reclamar. Ao adaptar clássicos da literatura infantil, a garotada embarcou nas histórias e as mantém em cartaz. “Perdi a conta de quantos espetáculos fiz e quantas pessoas foram assistir. De alguma forma o público já conhece os personagens”, diz ela, que continua em cena ao lado de Olavino Marçal.

DE OLHO NA FOLIA
A VEZ DO OLODUM

A direção do Baianas Ozadas trabalha na tentativa de trazer o Olodum para o carnaval de Belo Horizonte. É que o grupo do Pelô será o homenageado deste ano pelo bloco belo-horizontino. Enquanto discutem uma logística capaz de conciliar a agenda do bloco de Salvador com a apresentação na capital mineira, sábado tem festa do Baianas n’A Fábrica, no Prado. O encontro começa às 9h, reunindo as alas da dança e infantil e a bateria. O encerramento fica com apresentação da banda oficial do Baianas. Este ano, a identidade visual do bloco será assinada pelo artista plástico Fael Primeiro, que criou ilustração que remete ao faraó Tutancâmon, um jovem rei do Egito Antigo, uma das referências dos desfiles do Olodum.

MARCHINHAS
HUMOR E CRIATIVIDADE

Tradição do carnaval, as marchinhas mantêm sua força e são sinônimo de humor, irreverência, protesto e criatividade, além de retratar o contexto histórico do momento em que foram criadas. Para celebrá-las, a Melody Maker Escola de Música promove um concurso aberto ao público. O participante deverá criar uma marchinha original de tema livre, sem nenhum tipo de conteúdo impróprio, registrá-la em vídeo tocando ou cantando, postar em suas redes sociais, marcando a escola e usando a hashtag #CarnaMelody2019. O resultado será divulgado em 15 de fevereiro.

MODA
NA ERA DIGITAL

Alice Ferraz, fundadora e CEO do Fhits, é a primeira brasileira a participar do Polimoda Rendez-Vous, em Florença. Amanhã, ela fará a palestra “Mudança na influência e uso da mídia, do papel para o digital”, contando também a trajetória da Fhits, network de influenciadores digitais, e de como as mídias sociais mudaram a comunicação na moda. Anualmente, a Polimoda, uma das escolas mais renomadas especializada em negócios da moda da Itália, convida referências do mercado para compartilhar experiências com os alunos.


Publicidade