Continue lendo os seus conteúdos favoritos.

Assine o Estado de Minas.

price

Estado de Minas

de R$ 9,90 por apenas

R$ 1,90

nos 2 primeiros meses

Utilizamos tecnologia e segurança do Google para fazer a assinatura.

Assine agora o Estado de Minas por R$ 9,90/mês. ASSINE AGORA >>

Publicidade

Estado de Minas

Energia vital que protege

Cada ser vivo é envolto em um campo magnético, a aura, e aberturas para trocas energéticas, os chacras, que possibilitam uma espécie de comunicação entre as nossas emoções e o corpo físico


postado em 05/05/2019 05:06

O professor de ioga e meditação André Oliveira ensina que qualquer um pode sentir os centros energéticos do corpo (foto: Mariel Fabris/Divulgação)
O professor de ioga e meditação André Oliveira ensina que qualquer um pode sentir os centros energéticos do corpo (foto: Mariel Fabris/Divulgação)

A agente de turismo Eliane Viau, de 53 anos, é adepta da terapia holística há 20, recurso que lhe serve como prevenção de doenças. Para ela, os pensamentos conseguem transformar o bem em mal em poucos instantes, com uma força de ação rápida, tanto para o positivo quanto para o negativo. “O emocional nos melhora completamente, mas também adoece em um piscar de olhos”, diz Eliane, que já vivenciou diversos episódios em que acontecimentos ruins acabaram gerando doenças. Um deles foi na época do falecimento do filho, há oito anos. “Comecei a sentir muita dor, corria para o hospital achando que ia infartar, mas não era nada físico”, relembra. Atualmente, está enfrentando uma situação parecida. O pai, de 77 anos, está com câncer, problemas cardíacos acelerados e teve uma lesão no fêmur. O senhor reside no interior de Minas Gerais e Eliane estava acompanhando a questão de longe. Porém, quando viajou a Ituiutaba para ver o pai, sofreu um choque. “Os médicos disseram que meu pai tem pouco tempo de vida.”

O contato direto fez com que Eliane logo desenvolvesse, além de tonteira, uma gripe violenta, e passou uma semana com uma tosse forte e seca, o que, de tão intenso, parecia uma doença respiratória complicada. Buscou auxílio médico, usou o medicamento indicado, mas sabia que nada iria fazê-la melhorar se não conseguisse externar o que estava sentindo. “Tomei expectorante, mas continuei mal. É uma questão de fundo emocional. Precisava falar sobre o que sentia diante daquela realidade. Nada ia resolver se não trabalhasse aquele sentimento. Só entendendo o que estava dentro de mim, como defrontar aquela energia, é que poderia me curar”, diz. Ao valer-se, mais uma vez, da terapia de redistribuição energética, começou a sarar. A terapeuta observou que todos os seus chacras estavam fechados. “Nessa hora, pude falar sobre minhas emoções, ver a realidade de frente, fui liberando as energias e melhorei”, conta ela, que trouxe o pai para BH para que fique mais perto da família.

SINAIS É sabido que tudo o que compõe o universo é energia. Energia é tudo o que vibra, e tudo o que vemos é energia condensada, ou seja, matéria. O corpo físico é matéria, portanto, energia. Nessa definição, cada ser vivo é envolto em um campo magnético que o protege e o diferencia dos demais – é a chamada aura, conhecida por vários nomes, conforme a escola espiritual que a estuda. De acordo com o professor Wagner Borges, existem diversas aberturas por onde o indivíduo realiza as trocas energéticas com o ambiente, com outras pessoas, com outros seres e com a natureza. São os vórtices energéticos, popularmente denominados chacras. Têm formato circular (chacra = roda, em sânscrito) e são bilhões espalhados pela aura dos seres vivos. Cada célula do ser vivo se nutre pela energia vital e recebe e libera essa energia a todo momento. Dessa maneira se mantém a vida – e tudo isso ocorre graças aos chacras, responsáveis por essa troca energética. Para cada célula viva, existe um chacra em movimento constante. Um chacra que vibra em excesso está hiperativo, ou que vibra menos que o normal, hipoativo, está em desequilíbrio.

O professor de ioga e meditação André Oliveira ensina que qualquer um pode sentir os centros energéticos do corpo, o que não é uma exclusividade dos médiuns – basta estar sensível e atento aos sinais do organismo. Não é preciso ver luzes e formas brilhantes para sentir e conhecer mais sobre eles, observa o especialista. Os chacras, enquanto polos de absorção, exteriorização e administração de energias, são a ligação entre o corpo físico e o corpo psicoemocional. “No estudo sobre os chacras, o primeiro aspecto a entender é que eles estão dentro de um sistema maior, o sistema dos cinco koshas ou cinco corpos: físico, energético, psicoemocional, mental e espiritual. Fazem uma ponte entre a dimensão física e a dimensão psicoemocional – possibilitam uma espécie de comunicação entre as nossas emoções e o corpo físico. São o ‘elo perdido’ há muito procurado pelos psicólogos. Cada centro energético está relacionado a uma parte do corpo e a uma emoção muito específica. A palavra chacra significa, literalmente, círculo, roda ou centro e indica uma região do corpo de grande importância”, elucida.

 

Como
equilibrar
cada chacra principal

Chacra 1
dormir ou acordar mais cedo; mastigar mais vezes cada garfada do alimento; beber mais água

Chacra 2
er um livro por prazer; cortar um vício (álcool, cigarro, jogos, redes sociais etc.); controlar a alimentação e a quantidade de comida por dia

Chacra 3
organizar o tempo para atividades e descansos; colocar limites de horário para responder a e-mails ou redes sociais; gerar mais atividades que estejam conectadas ao que você realmente gosta de fazer

Chacra 4
elogiar uma pessoa diferente por dia; fazer ações e atividades junto com outras pessoas de quem você gosta; dar mais presentes ou demonstrações de carinho para pessoas próximas

Chacra 5
cortar fofocas, lisonjas ou “puxa-saquismos”; mandar mensagens de voz nas redes sociais ou ligar para as pessoas para se comunicar; cortar palavrões ou palavras negativas que você fala constantemente

Chacra 6
trocar pensamentos negativos por positivos; estudar um caminho espiritual (o que for do seu gosto e preferência); refletir sobre sua própria missão de vida e aplicá-la

Chacra 7
meditar ou orar ao Divino; fazer um serviço de caridade presencial sem divulgar (apenas pela real atitude altruísta); contemplar situações desafiadoras na vida e pontuar quais os aprendizados profundos em cada uma delas

Fonte: Luck – trainer de alta performance da Pandora – Evolução Consciente. Estudioso dos caminhos espirituais, formado em coaching com psicologia positiva


receba nossa newsletter

Comece o dia com as notícias selecionadas pelo nosso editor

Cadastro realizado com sucesso!

*Para comentar, faça seu login ou assine

Publicidade