Continue lendo os seus conteúdos favoritos.

Assine o Estado de Minas.

price

Estado de Minas

de R$ 9,90 por apenas

R$ 1,90

nos 2 primeiros meses

Utilizamos tecnologia e segurança do Google para fazer a assinatura.

Assine agora o Estado de Minas por R$ 9,90/mês. ASSINE AGORA >>

Publicidade

Estado de Minas Sofia Bauer

Organizar e selecionar tarefas abrem espaço para as atividades prazerosas

"Muitas vezes, trabalhamos muito e continuamos longe de alcançar nossos projetos numa vida complicada"


29/05/2022 04:00 - atualizado 29/05/2022 11:44

ILustração

 
Já pensou em diminuir o esforço e viver melhor?
Podemos tornar nossa vida mais fácil e com muito menos esforço.
Como limpar um armário de roupas que estão apenas pesando no cabide e ocupando espaço e quando nos livramos delas, nos livramos de uma carga mental junto?
Uma vida simples pode ser em qualquer sentido. No trabalho, em casa, nos relacionamentos, com os filhos. Uma vida simples desocupa lugares que você pode habitar seu ser, sua mente e seus sentimentos.
 
Muitas vezes, trabalhamos muito e continuamos longe de alcançar nossos projetos numa vida complicada. Gastamos muita energia, sentimos que estamos esgotados.
O mundo precisa urgentemente de uma vida mais simples. 
E acaba que o ditado antigo “menos faz mais” é pura verdade.
 
Proponho que você acompanhe meu raciocínio e veja se faz sentido para mudar seu estilo complicado de ser. O que de verdade gostamos é das coisas mais simples; por exemplo, do pijama, do pãozinho de sal no café da manhã, da roupa mais antiga e macia que traz conforto, de um bom banho...
Por isso, a melhor dica é REMOVER a COMPLEXIDADE. Pedir ajuda de quem sabe fazer o que para você é difícil e gasta horas fazendo. Um parceiro que possa dividir tarefas e com ele ou uma equipe, juntos possam fazer o difícil ficar fácil.
 
Aprender que temos que dar um duro danado para ganhar dinheiro, que precisamos sofrer para ter ganhos. “No pain, no gain” ainda é validado por muitos, mas vemos que a realidade nos mostra que o corpo e a mente se cansam muito dessa trajetória de peso e obrigações. Chega a um ponto em que a pessoa desiste de seguir em frente, pois luta muito e obtém pouco resultado.
O princípio do menor esforço já está em nosso cérebro, e assim o rápido e mais fácil é sempre a primeira escolha. Mas que tal observar esse princípio e com ele pegar o mesmo modelo para se viver?
Menos esforço no trabalho, na vida, e mais tempo para desfrutar os prazeres sem deixar de fazer o que de verdade você deve e precisa fazer.
 
Mas como essa equação vai funcionar?
Simples: pedras grandes vêm primeiro, pedras menores depois, em seguida a areia e depois a água. E conseguimos que todos possam estar dentro do mesmo recipiente! Como a história do professor com seus alunos demonstrando exatamente isso. Coloca um vaso grande e o enche de pedras grandes até a boca do vaso. Pergunta aos alunos se cabe mais alguma coisa, ao que todos respondem que não, pois ele está até a boca, cheio de pedras. O professor então coloca pedras pequenas que se espalham embaixo e no meio das grandes. Novamente, ele pergunta se cabem mais coisas. Os alunos, perplexos, nada dizem. 

Então, o professor coloca areia e enche o vaso até o topo. E novamente faz a mesma pergunta. Antes que respondam, ele coloca água, e ainda cabe lá dentro. Em seguida, ele pega um vaso igual, coloca apenas a água primeiro e pergunta: cabe mais alguma coisa?. Ninguém se atreve a responder para ver a “pegadinha”. Ele então coloca as pedras grandes e o vaso transborda imediatamente.
Nossa vida necessita que coloquemos ordem na casa e nas demandas do dia a dia. Se você enche sua vida demais de atividades, vai acabar num belo burnout! Mas se colocar as atividades principais em seu melhor horário, se possível de manhã, quando nossa mente está limpa e clara, você terá espaço para colocar pedras menores (problemas menores, tarefas menores etc.)
Portanto, simplificar as atividades, ter horários fixos, dormir mais cedo, acordar cedo podem ser de muita ajuda para uma vida com menos esforço, sem deixar de fazer o que é importante.
Dever cumprido, traz o sono tranquilo, diminui a ansiedade.
 
Eu deixo, aqui, este desafio a você, caro leitor:
Faça uma lista de suas atividades por ordem de grandeza. Coloque uma ordem das maiores para as menores.
 
Veja que as atividades que tomam muito seu tempo não são as mais importantes e, por isso, você pode delegar a outros essas tarefas, ou pode ter algum parceiro que divida as que são difíceis para você.
 
Em seguida, coloque suas tarefas num planejamento das maiores para as menores, em horários fixos e marcados em sua semana.
 
Depois me conte como está sobrando tempo para aquelas coisas de que você mais gosta.  

*Para comentar, faça seu login ou assine

Publicidade