Continue lendo os seus conteúdos favoritos.

Assine o Estado de Minas.

price

Estado de Minas

de R$ 9,90 por apenas

R$ 1,90

nos 2 primeiros meses

Utilizamos tecnologia e segurança do Google para fazer a assinatura.

Assine agora o Estado de Minas por R$ 9,90/mês. ASSINE AGORA >>

Publicidade

Estado de Minas

Ana Amélia Faria festeja seus 92 anos com almoço no Automóvel Clube

Dama da sociedade reunirá sua família e um grupo restrito de amigos na comemoração, nesta quinta (30)


postado em 29/01/2020 04:00

Ana Amélia Faria, aniversariante de amanhã, em uma das festas da Jornada Solidária do Estado de Minas, em foto do arquivo da coluna (foto: Marcos Vieira/EM/D.A. Press)
Ana Amélia Faria, aniversariante de amanhã, em uma das festas da Jornada Solidária do Estado de Minas, em foto do arquivo da coluna (foto: Marcos Vieira/EM/D.A. Press)

A.C.
Níver no Salão Verde

Na tarde de amanhã (30), os salões do 3º andar do Automóvel Clube serão agitados pelos participantes do almoço comemorativo do aniversário de Ana Amélia Faria, uma das mais celebradas “primeiras damas” da sociedade tradicional de BH, que estará comemorando seus 92 anos. A maioria dos convidados será formada pelos membros da numerosa família da aniversariante (irmãs, filhos, genros, noras, netos, bisnetos, etc.), junto a um grupo restrito de amigos.

Rio Paraopeba
Opiniões divergentes

Ao contrário do que afirmou a ONG SOS Mata Atlântica sobre a análise das águas do Rio Paraopeba realizada por seus técnicos, em que se denuncia que o volume hídrico do rio continua gravemente poluído pelos detritos e metais pesados advindos do rompimento da barragem de Brumadinho, o Instituto Mineiro de Gestão de Águas divulgou relatório sobre o problema, em que assegura que houve melhorias na qualidade da água do Paraopeba em todo o trecho afetado pelo desastre. Os parâmetros de medição da poluição foram alterados favoravelmente desde a última análise, em junho de 2018. Pois bem. O mais estranho dessa análise do Instituto Mineiro de Gestão de Águas, órgão do governo do estado, é que afirma, ao contrário do que diz a SOS Mata Atlântica, que o ferro e o manganês que poluem o rio não são considerados “metais pesados”, o que aliviaria a poluição. No entanto, a ciência afirma que o ferro e o manganês estão incluídos na relação dos metais pesados mais comuns do mundo. O metal pesado é aquele que não pode ser sintetizado nem destruído pela ação do homem. Portanto, alguém deve estar errado nas conclusões desses relatórios.

Planalto
A “turma de casa”

O presidente Jair Bolsonaro não deve estar nada satisfeito com funcionários graduados do “pessoal da casa”, que tem tráfego livre no Palácio do Planalto. O chefe da Secretaria de Comunicação da Presidência da República, Fábio Wajngarten, foi denunciado por peculato, corrupção passiva e prática de advocacia administrativa, o que está causando um quiproquó dos diabos. Agora, foi denunciado publicamente o secretário-executivo da Casa Civil do Planalto, Vicente Santini, este por um fato realmente meio “petulante” em matéria de uso de benesses públicas restritas. Ocupando interinamente o lugar do ministro-chefe da Casa Civil, Onyx Lorenzoni, Santini requisitou um luxuoso jato Legacy da FAB para levá-lo à conferência de Davos, na Suíça, e, em seguida, para transportá-lo a Nova Délhi, na Índia, onde se encontrava o presidente Bolsonaro. Anote-se que os ministros de Estado que foram a Davos viajaram em aviões comerciais. As duas viagens no Legacy, com capacidade para 15 passageiros, devem ter custado no mínimo R$ 1 milhão para os cofres da República.

Roma
O primeiro papa

O dia de hoje tem um significado especial para a Igreja Católica, pois considera-se que, em 28 de janeiro do ano 30 depois de Cristo, o apóstolo Pedro foi investido nas funções de primeiro bispo de Roma, ou seja, foi o primeiro papa da história da Igreja, versão até hoje discutida pelas igrejas protestantes. Também foi na data de hoje, no ano de 1958, que o cardeal Angelo Roncalli foi sagrado o 261º papa, com o nome de João XXIII. Provocou uma revolução na Igreja, abolindo privilégios e a pompa, aproximando a Santa Sé dos operários.

Polêmica
Gravidez precoce

Uma das campanhas a ser lançadas o mais breve possível pelo governo federal tem como objetivo tentar diminuir a gravidez precoce no Brasil, que vem apresentando índice cada vez maior de meninas sendo engravidadas com idades que vão de 10 a 15 anos, a maior parte em atos de gravidez irresponsável. No entanto, comenta-se que o lançamento da campanha está sendo retardado devido a pontos de vista diferentes em torno do tema central da ação, defendidos pelo ministro da Saúde, Luiz Henrique Mandetta, e pela ministra dos Direitos Humanos, Damares Alves. O ministro Mandetta defende a tese de que a linha da campanha deve ser baseada em princípios práticos. Mostrar abertamente os inconvenientes da gravidez precoce, da responsabilidade futura, usar meios de prevenção diretos, etc. Já a ministra Damares quer focar a campanha na abstinência total do sexo, no ponto de vista moral e religioso e outras questões morais, esclarecendo que não fica bem transar muito cedo, etc. Tudo indica que o ministro da Saúde deverá ganhar a parada. Ponto de vista mais pragmático e realista.

Homenagem
Pioneira dos esportes

A cidade de Caxambu, no Sul de Minas, deverá homenagear a já saudosa jornalista esportiva Marilene Dabus, nascida na estância em 14 de janeiro de 1940 e falecida neste mês, no Rio, dando seu nome a uma das ruas da cidade. Marilene foi a primeira mulher a exercer a crônica esportiva no Brasil, tendo iniciado a carreira em 1969, no Rio, e militado na profissão até os anos 1990. Ligada ao Flamengo, foi diretora do clube na gestão do presidente Márcio Braga, também mineiro.

Guarulhos
43 milhões de passageiros

O aeroporto internacional de Guarulhos, em São Paulo, o de maior movimento no Brasil, continua batendo recordes. Sua direção acaba de divulgar que, em 2019, a movimentação de passageiros em seu terminal alcançou o total de 43 milhões de pessoas, o maior número registrado em sua história de 35 anos. O movimento foi dividido em 28,3 milhões de passageiros em voos domésticos e 14,7 milhões em voos internacionais. Curiosamente, o maior destino no exterior procurado pelos passageiros foi Santiago do Chile, que rebaixou Buenos Aires para o segundo posto pela primeira vez. Já o terceiro lugar ficou com Miami. O maior sufoco registrado pelo aeroporto em 2019 ocorreu em 21 de dezembro, quando cerca de 150 mil passageiros ocuparam Guarulhos.

Henry Stanley
Aventura na África

Ontem, registrou-se o aniversário de 180 anos de nascimento do jornalista inglês Henry Stanley, que se tornou famoso por ter descoberto, durante uma expedição à África, o paradeiro do explorador inglês David Livingstone, desaparecido havia vários anos no continente africano, durante a procura pela nascente do Rio Nilo. Ficou famoso o seu cumprimento inicial no encontro com Livingstone, que passou a ser o símbolo da fleugma britânica. Ao ver Livingstone, o único branco no meio de uns 200 selvagens negros, estendeu-lhe a mão, cerimoniosamente, perguntando: 
“Dr. Livingstone, I presume” (Dr. Livingstone, eu presumo).

Auschwitz
Ameaça constante

O primeiro-ministro de Israel, Benjamin Netanyahu, foi direto e reto ao abordar o problema judaico no mundo, num pronunciamento referente aos 75 anos da descoberta, pelo Exército soviético, do campo de concentração de Auschwitz, na Polônia, onde morreram mais de 1 milhão de judeus. Disse Netanyahu que a ameaça contra o povo judeu não desapareceu. Permanece latente em vários países. A começar pelo Irã, que deseja a extinção do Estado de Israel, bem como diversos outros povos árabes. E citou uma frase que políticos brasileiros gostavam de citar: “O preço da liberdade é a eterna vigilância”.

M. Hoppy
Ataque em BH

A cadeia de restaurantes M. Hoppy Beer and Burger, que, apesar do nome, é uma rede nacional de franquias de fast food, inaugurou uma casa em BH há pouco mais de dois meses, situada no Prado, e agora se prepara para uma investida geral no mercado mineiro. Já tem 48 lojas no país. Fundada pelos empresários José Araujo Neto e Vinicius Sampaio, a cadeia afirma que é especialista em preços baixos. A concorrência exige. É o tal do custo/benefício.
















*Para comentar, faça seu login ou assine

Publicidade